28 abril 2021

UERN: Candidatos chegam a consenso sobre proposta de cadastro de eleitores e Consuni deverá definir nova data de eleições

Em reunião realizada nesta terça-feira (27) entre a Comissão Eleitoral, a Reitoria e os candidatos a reitor(a) e vice-reitor(a) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) e suas coordenações de campanha, foi acatada, de forma consensual, a proposta apresentada pelo diretor de informatização da Uern, prof. André Pedro, para o cadastro remanescente dos possíveis eleitores no pleito para os cargos máximos da administração universitária, suspenso por decisão judicial.

A proposta foi elaborada de forma conjunta entre Uern e UFRN (desenvolvedora do sistema Sig-Eleição), e prevê que o usuário poderá efetuar sua confirmação de cadastro automaticamente utilizando um hash. O usuário deverá informar o login (os nove primeiros dígitos do CPF) e solicitar a recuperação de senha, que se dará através do e-mail.

“Essa proposta foi elaborada nos últimos 20 dias, a partir da decisão judicial que suspendeu o pleito e da análise técnica de todas as sugestões apresentadas pelos candidatos envolvidos na eleição. A UFRN concorda com a segurança dessa proposta, uma vez que o acesso se dará a partir do e-mail, que só quem deve ter a senha é o próprio usuário”, explicou André Pedro.

De acordo com o presidente da comissão eleitoral, Prof. Armando Lúcio, apesar de haver consenso entre os candidatos, a comissão entende que é o Consuni (Conselho Universitário) que deve deliberar sobre a aceitação da proposta, bem como a definição de uma nova data para a realização do pleito.

A presidente do Consuni, Profª. Fátima Raquel Morais, afirmou que o Conselho será convocado assim que a Comissão o oficiar sobre o acordo entre as partes envolvidas no pleito e reafirmou que não faltaram esforços para o atendimento da decisão judicial e a realização da eleição.

“Para nós é um prazer chegar a esse denominador, torcendo para que ele seja um fator diferencial para a participação da nossa comunidade no pleito, principalmente a nossa comunidade discente. Desde a decisão judicial, nós temos tentado encontrar essa solução para apresentar à nossa comunidade, com muito diálogo. Entendemos isso como mais uma ação democrática da nossa Universidade. Mais do que nunca estamos aprendendo juntos, aprendendo a cada vez mais agir de forma democrática pensando na nossa comunidade”, afirmou a reitora e presidente do Consuni.

As eleições para reitor e vice-reitor da Uern foram suspensas em 14 de abril, data em que aconteceria a votação, por decisão judicial após pedido de mandado de segurança impetrado pelos candidatos Francisco Paulo da Silva e Kelânia Freire Martins Mesquita. Em sua decisão, a juíza Adriana Santiago determinou “a suspensão da eleição até habilitação no sistema, pela Comissão Eleitoral e/ou Uern, de todos os eleitores aptos a votar”.

Até o momento da data prevista para a eleição, 94,12% dos docentes; 96,35% dos técnicos e 42% dos estudantes tinham confirmado seus cadastros no Sistema Sig-Eleição. O cadastro continua aberto e pode ser feito através do link https://sigaa.uern.br

 

0 comentários:

Postar um comentário

Translate