Eleições 2022

O Tribunal Regional Eleitoral pretende dar total publicidade à lisura das eleições 2022.
A Corte Eleitoral do RN está contratando empresa para serviços de filmagem, monitoramento e produção de material gravado e transmissão ao vivo para o YouTube dos procedimentos de auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas nas Eleições de 2022, em Natal/RN.

A revista pessoal, popularmente conhecida como “baculejo”, foi considerada ilegal, de acordo com uma decisão tomada pela Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça. A medida aconteceu após policiais encontrarem drogas durante uma abordagem, mas não apresentarem “justificativa plausível” para o procedimento.

Conforme a ação, os policiais utilizaram do argumento de que os indivíduos estavam com “atitude suspeita” e, por isso, realizaram a ação. Por unanimidade, os ministros consideraram que, para a realização de busca pessoal é necessário que suspeita seja descrita de modo objetivo e justificada por indícios de que o indivíduo esteja na posse de drogas, armas ou outros objetos ilícitos, caracterizando a urgência para a diligência.

De acordo com a presidente da Associação dos Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Norte (ADEPOL), Taís Aires, a situação é mais uma que faz um policia hesitar no momento de realizar alguma abordagem ou ação. Ainda conforme Taís, isso inibe que o agente utilizem do seu “feeling” para poder agirem em ocasiões suspeitas.

“Dificulta o trabalho da polícia e o dia a dia do policial. A gente sabe que o feeling do policial é um fator importante. Nessa decisão, o caso foi feito em cima de uma abordagem em que foram encontradas drogas. Existem milhões de coisas que fazem um policial pensar dez vezes antes de agir. O policial está ficando cada vez mais temeroso antes de tomar uma atitude”, contou.

Em contato com a Polícia Militar, nossa reportagem apurou que amanhã será realizada uma reunião para saber como repassar melhor a situação à imprensa sobre a forma em que os policiais devem agir nessas circunstâncias.

Foto: Lia de Paula

Quase quatro em cada dez brasileiros adultos estavam inadimplentes no mês passado, o que corresponde a 61,94 milhões de pessoas com pendências nos birôs de crédito, segundo levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). O número de inadimplentes incluídos na base do birô de crédito aumentou quase 6% no mês passado em relação a abril de 2021.

O total de inadimplentes, hoje, não é uma marca recorde. O maior contingente foi de 63,08 milhões, atingido em novembro de 2018, segundo a série do SPC Brasil, iniciada em janeiro de 2015.

“Estamos com patamar de inadimplentes muito próximo do de 2018, que foi um recorde histórico, e a perspectiva é de que esse número aumente”, afirmou Merula Borges, coordenadora financeira da CNDL.
Apesar da injeção de recursos extras na economia, como a antecipação do pagamento do 13º salário para aposentados e pensionistas da Previdência e a liberação de parcelas do FGTS aos trabalhadores, a especialista lembra que os cenários econômicos doméstico e internacional estão conturbados e que isso pode agravar a situação do calote.

O Banco Central já indicou que deve continuar subindo os juros básicos, hoje em 12,75% ao ano, para conter a inflação de 12,13% em 12 meses até abril. Juros elevados dificultam a saída da lista do calote e fazem a dívida virar uma bola de neve, caso ocorra qualquer atraso.

O levantamento mostra que, dos inadimplentes, metade está com dívidas atrasadas entre 91 dias e um ano. Um ano atrás, o juro básico estava na mínima histórica de 2%.

Estadão Conteúdo


O Tribunal Superior Eleitoral proibiu para as eleições de 2022 a contratação de pessoas físicas ou jurídicas para que façam publicações de cunho político-eleitoral na internet. Na prática isso é um balde de água fria na estratégia usada há algum tempo, por candidatos e pré-candidatos, de remunerar influencers digitais para atingir a base de seguidores deles e, assim, impulsionar campanhas eleitorais.

O advogado eleitoral Carlos Frota, do Instituto Brasileiro de Pesquisa e Estudo Jurídico (Ibrapej), afirma que a nova regra “não limita a liberdade de expressão do influenciador digital de emitir opinião seja positiva ou negativa sobre candidatos”, mas impede a remuneração por esse tipo de publicação.

A resolução do TSE de número 23.671/2021, de dezembro do ano passado, estipula que “páginas, canais, ou assimilados, em redes sociais ou aplicações de internet assimiladas, bem como em seus sítios eletrônicos” estão “entre os tipos de propaganda eleitoral paga vedados a contratação de pessoas físicas ou jurídicas para que realizem publicações de cunho político-eleitoral em seus perfis”.

Metrópoles


 Os interessados em participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm até o próximo sábado (21) para fazer a inscrição, habilitando-se para as provas que serão aplicadas nos dias 13 e 20 de novembro.

As inscrições para o Enem 2022, tanto para a edição impressa como para a digital, devem ser feitas na Página do Participante. Para acessá-la, clique aqui. A taxa é de R$ 85, e poderá ser paga via PIX, cartão de crédito ou por boleto bancário até o dia 27 deste mês.

No momento da inscrição, o candidato escolhe se quer fazer a prova de língua estrangeira em inglês ou espanhol. Ele escolhe também se quer o exame impresso ou digital e informa se precisa de algum atendimento especial (acessibilidade, por exemplo).

O estudante também preenche um questionário socioeconômico informando se já concluiu o ensino médio e outras informações cadastrais.

Provas
As provas serão nos dias 13 e 20 de novembro. Pela primeira vez, o candidato poderá apresentar a versão digital de documento de identificação no dia da prova. Serão aceitos e-título, Carteira de Habilitação Digital ou RG Digital. O candidato deverá abrir o aplicativo e apresentar o documento ao fiscal. Capturas de tela não serão aceitas.

O exame terá quatro provas objetivas e uma redação em língua portuguesa. Cada prova objetiva terá 45 questões de múltipla escolha.

No primeiro dia do exame, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e redação (língua portuguesa, literatura, língua estrangeira, artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação) e de ciências humanas e suas tecnologias (história, geografia, filosofia e sociologia).

O tempo para realização da prova é de cinco horas e 30 minutos, contadas a partir da autorização do chefe de sala para o início das provas.

No segundo dia do exame, serão aplicadas as provas de ciências da natureza (química, física e biologia) e matemática e suas tecnologias. No segundo dia, o tempo para realizar o exame é de cinco horas, contadas a partir da autorização do chefe de sala para o início das provas.

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no Portal do Inep até o terceiro dia útil após a última prova.

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (16). São 504.283 casos totalizados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 8.196. Nenhum óbito registrado nas últimas 24h. Óbitos em investigação são 1.409.

Recuperados são 495.522. Casos suspeitos somam 290 e descartados são 951.570. Estimativa de casos em acompanhamento: 565.

 Foram divulgados os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta segunda-feira (16), de acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass):

– O país registrou 69 óbitos nas últimas 24h, totalizando 664.987 mortes;

– Foram 13.510 novos casos de coronavírus registrados, no total 30.701.900;

A média móvel de óbitos nos últimos sete dias é de 114. A a média móvel de novos casos é de 18.236.

O ministério da Saúde calcula que mais de 29,7 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

A cada quatro anos, o Senado renova parcialmente sua composição. Em 2018, cada estado elegeu dois representantes. Neste ano, apenas uma das três cadeiras que tem cada unidade federativa estará em jogo, o que torna a disputa ainda mais acirrada. Clique na seta abaixo e veja quais são os senadores que terminarão o atual mandato no final de

Nem todos os senadores vão concorrer à reeleição: alguns disputarão uma vaga na Câmara dos Deputados, enquanto outros podem tentar o Executivo estadual. Nomes como o ex-presidente Fernando Collor (Pros-AL), o ex-presidente do Senado Davi Alcolumbre (União-AP), o ex-presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), e os ex-presidenciáveis Alvaro Dias (Podemos-PR) e José Serra (PSDB-SP) estão entre aqueles que concluirão os oito anos de mandato no final de janeiro de 2023. janeiro de 2023. Os estados estão listados em ordem alfabética.

VEJA FOTOS DOS SENADORES QUE CONCLUEM OS MANDATOS NO INÍCIO DE  2023.

Alagoas: Fernando Collor (PTB). Foto: Marcello Casal Jr./ABr
Amapá: Davi Alcolumbre (União). Foto: Marcos Oliveira/Ag. Senado
Amazonas: Omar Aziz (PSD). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Bahia: Otto Alencar (PSD). Foto: Marcos Oliveira/Ag. Senado
Ceará: Tasso Jereissati (PSDB). Foto: Marcelo Camargo/ABr
Distrito Federal: Reguffe (Podemos). Senado. Foto: Jefferson Rudy/Ag. Senado
Espírito Santo: Rose de Freitas (MDB). Foto: Jefferson Rudy/Ag. Senado
Goiás: Luiz do Carmo (PSC). Foto: Roque de Sá/Agência Senado
Maranhão: Roberto Rocha (PTB). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Mato Grosso: Wellington Fagundes (PL). Foto: Roque de Sá/Agência Senado
Mato Grosso do Sul: Simone Tebet (MDB). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Entre os acordos em vista, o nome do senador Alexandre Silveira, do PSD de Minas Gerais, voltou a ser cogitado. Minas Gerais: Alexandre Silveira (PSD). Foto: Jefferson Rudy/Ag. Senado
Pará: Paulo Rocha (PT). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Paraíba: Nilda Gondim (MDB). Foto: Geraldo Magela/Agência Senado
Paraná: Alvaro Dias (Podemos). Foto: Roque de Sá/Agência Senado
Pernambuco: Fernando Bezerra Coelho (MDB). Foto: Roque de Sá/Agência Senado
Piauí: Elmano Férrer (PP). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Rio de Janeiro: Romário (PL-). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Rio Grande do Norte: Jean Paul Prates (PT). Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Rio Grande do Sul: Lasier Martins (Podemos). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Rondônia: Acir Gurgacz (PDT). Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
Roraima: Telmário Mota (Pros). Foto: Foto: Geraldo Magela/Agência Senado
Santa Catarina: Dario Berger (PSB). Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
São Paulo: José Serra (PSDB). Foto: Pedro França/Agência Senado
Sergipe: Maria do Carmo Alves (PP). Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
Tocantins: Katia Abreu (PP). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Acre: Mailza Gomes (PP). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado


Nem todos os senadores vão concorrer à reeleição: alguns disputarão uma vaga na Câmara dos Deputados, enquanto outros podem tentar o Executivo estadual. Nomes como o ex-presidente Fernando Collor (Pros-AL), o ex-presidente do Senado Davi Alcolumbre (União-AP), o ex-presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), e os ex-presidenciáveis Alvaro Dias (Podemos-PR) e José Serra (PSDB-SP) estão entre aqueles que concluirão os oito anos de mandato no final de janeiro de 2023.


A governadora Fátima Bezerra é a única potiguar convidada para o casamento do ex-presidente Lula com Rosângela (Janja), marcado para quarta-feira (18), em São Paulo.

Neste sábado Fátima foi às Casas Cardoso, em Natal, escolheu o tecido do vestido e levou para a costureira.

O colunista Léo Dias, do portal Metropoles, disse que a festa será realizada no sofisticado espaço Grupo Bisutti e terá nove horas de duração, e que no dia do evento, a fachada da casa de festas será isolada com grades, para permitir somente o acesso de carros de pessoas convidadas, tudo muito bem coordenado pela equipe de segurança do casal. No dia da festa, o uso de celulares não é permitido para nenhum funcionário, nem mesmo a equipe de vallet, que geralmente se encontra no estacionamento do local, escreveu o colunista.

A festa será restrita a 220 convidados, de acordo com Léo Dias, mas a reportagem do Globo deste domingo espreme ainda mais o número de convidados: 150, o que tem gerado ciúmes, como mostra o jornal.

Lista de convidados para o casamento de Lula gera ciúmes

Bela Megale

A menos de uma semana do casamento, os convidados do ex-presidente Lula e da socióloga Rosângela Silva, conhecida como Janja, começaram a receber os convites com o horário da festa, que até então estava em sigilo. O evento será às 19h da próxima quarta- feira, mas o endereço segue em segredo.
O vestido da noiva é assinado pela estilista Helô Rocha. A indicação foi da chef Bela Gil, que é amiga do casal e está entre os 150 convidados da cerimônia. Janja já acompanhava o trabalho de Helô Rocha e quis que ela fosse a responsável pelo modelo.
O casal, até agora, não tem planos de lua de mel.
Lula e Janja vão tirar uns dias de folga e permanecerão em São Paulo, onde vivem desde o início do ano. Em uma reunião do PT, no início do mês, Lula falou sobre o tema. Disse aos presentes que está em “eterna lua de mel com Janjinha”, como se refere à noiva. O ex-presidente já tem agendas de campanha marcadas para a semana do dia 23 de maio no Rio Gran- de do Sul e em Santa Catarina. Janja, como sempre, vai acompanhá-lo.


SELETO GRUPO
Os convidados de outras cidades receberam a recomendação de chegar em São Paulo no dia 17 e bloquear a agenda do dia 18 de maio. Um dos poucos deputados que entraram na lista foi Alexandre Padilha, que é médico e atende os filhos do ex- presidente.
Coordenador da campanha de Lula ao Palácio do Planalto, o deputado Rui Falcão, ex-presidente do PT, também foi convidado. A escolha de poucos nomes para o evento tem causado ciúmes entre os parlamentares.
O ex-governador Geraldo Alckmin e sua mulher estão na lista. Artistas também já foram convidados.
Na mesma reunião do PT no início do mês Lula falou sobre a importância da cerimônia, que será civil e religiosa. Disse que é “ape- gado às tradições” e que queria receber uma bênção e casar de papel passado, como fez nas suas duas uniões anteriores.
O casal não quer que o casamento seja um ato político, mas a celebração deve ser usada na campanha, segundo integrantes do PT. A ideia é contrapor Lula a Jair Bolsonaro, dizendo que o presidente se apresenta como um homem de família, mas que o petista teve seus três casamentos realizados na esfera religiosa e civil.
Filiada ao PT, Janja conheceu Lula nas carava- nas da cidadania do partido nos anos 1990. Os dois começaram a namorar quando ele estava preso em Curitiba. Na época, Janja trabalhava no departamento de projetos sociais da Itaipu Nacional em Foz do Iguaçu (PR). Quando ia à capital paranaense, onde vivia, aproveitava para visitar o ex- presidente, viúvo desde 2017 com a morte de dona Marisa Letícia.

FONTE: thaisagalvao.com.br


Foto: Reprodução

Apoiado pelo grupo de Renan Calheiros, ele teve 21 votos dos deputados estaduais em eleição indireta realizada na Assembleia Legislativa do estado

Paulo Dantas (foto) foi eleito governador de Alagoas neste domingo em eleição indireta realizada na Assembleia Legislativa do estado. O vice-governador eleito é José Wanderley Neto.

Apoiado pelo grupo de Renan Calheiros, Dantas teve 21 votos dos deputados estaduais e foi eleito por maioria absoluta.

A escolha de um governador-tampão, que ficará no cargo até 31 de dezembro, ocorreu porque Renan Filho renunciou ao cargo para concorrer ao Senado e os dois primeiros nomes da linha sucessória abdicaram da função também para disputar as eleições este ano.

Antes da suspensão do julgamento quatro outros ministros haviam referendado a decisão de Gilmar, liberando as eleições locais: Edson Fachin, Dias Toffoli, Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski.


O Ministério da Defesa do Reino Unido afirmou em boletim divulgado hoje que a Rússia pode ter perdido cerca de um terço de suas forças militares na Ucrânia desde o início da guerra, em 24 fevereiro.

Segundo o comunicado da inteligência britânica, a ofensiva russa na região separatista de Donbass, que engloba Donetsk e Lugansk, “perdeu impulso e ficou significativamente atrasada”.

“Apesar dos avanços iniciais de pequena escala, a Rússia não conseguiu obter ganhos territoriais substanciais no mês passado, mantendo níveis consistentemente altos de atrito”, disse o Ministério da Defesa no Twitter.

“A Rússia agora provavelmente sofreu perdas de um terço da força de combate terrestre que comprometeu em fevereiro”, afirma a publicação. Ainda de acordo com as autoridades britânicas, é “improvável” que a Rússia acelere drasticamente sua taxa de avanço nos próximos 30 dias.

Desde a invasão da Rússia em fevereiro, as tropas da Ucrânia forçaram as forças russas a abandonar um avanço sobre a capital Kiev, afastando-as também de Kharkiv, a segunda maior cidade do país.

Uma contraofensiva ucraniana também está em andamento perto da cidade de Izium, controlada pela Rússia, embora os militares da Ucrânia tenham relatado hoje que as forças russas estavam avançando em outros lugares na região de Donbass.

Segundo o chefe da administração militar regional de Lugansk, Serhiy Hayday, disse na manha de hoje, “os russos estão reunindo equipamentos e mão de obra mais perto de Severodonetsk e se preparando para atacá-la”.

Severodonetsk é uma das várias cidades industriais no leste que têm sofrido bombardeios há semanas me meio aos esforços dos militares russos para derrubar as defesas ucranianas. Hayday disse que a fábrica de produtos químicos e os arranha-céus da cidade foram atingidos.

CONTRAOFENSIVA EM KHARKIV
Apesar dos novos ataques, a Ucrânia disse que efetua uma contraofensiva também em Kharkiv e tem tido sucesso em retomar territórios antes ocupados por tropas russas. Autoridades ucranianas, no entanto, deram poucos detalhes sobre a situação na região.

Segundo os comunicados oficiais, o objetivo da Ucrânia no local é cortar as linhas de suprimentos da Rússia para suas forças que tentam avançar para a região de Donetsk.

Oleh Syniehubov, chefe da administração militar regional de Kharkiv, afirmou que as unidades ucranianas estão constantemente fortalecendo suas posições, empurrando militares das fronteiras da cidade para as fronteiras da Rússia. “As direções norte e nordeste são os mais quentes; existem hosts ativos lá”, acrescentou Syniehubov.

Foram divulgados os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste domingo (15), de acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass):

– O país registrou 46 óbitos nas últimas 24h, totalizando 664.918 mortes;

– Foram 6.292 novos casos de coronavírus registrados, no total 30.688.390;

A média móvel de óbitos nos últimos sete dias é de 111. A a média móvel de novos casos é de 17.693.

O ministério da Saúde calcula que mais de 29,7 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

 O Rio Grande do Norte alcançou neste sábado (14) a marca de 30 dias sem óbito por Covid-19.

O quadro se dá principalmente por conta do avanço da vacinação em todas as faixas etárias, esforço feito em parceria entre Governo Federal, Governo do Estado e municípios potiguares.

Atualmente o RN conta com 2.959.606 pessoas vacinadas com a primeira dose, o que representa 93% da população. Com a segunda dose são 2.669.722, totalizando 84%. Com a terceira dose são 1.535.563, 48% da população. Ao todo, 7.253.122 doses foram aplicadas em todos os municípios.


 O Governo do Estado adiantou  o pagamento do mês de maio sábado (14). Foram  depositados na conta dos servidores mais de R$ 242 milhões na conta de 111 mil servidores ou mais de 80% do funcionalismo estadual. Os servidores restantes também receberão dentro do mês trabalhado, no próximo dia 31.

O salário integral será depositado na conta dos 32,8 mil trabalhadores do Estado que recebem até R$ 4 mil (valor bruto) e 30% do salário dos 35 mil servidores que ganham acima desse valor, entre ativos, inativos e pensionistas, além do pagamento integral do salário à categoria da Segurança Pública, correspondente a R$ 107 milhões.

No próximo dia 31 de março recebem o salário integral os 22,3 mil servidores das pastas com recursos próprios e da Educação, além dos 70% restantes de quem ganha acima de R$ 4 mil, que somado ao valor de consignação, completam os quase R$ 274 milhões da folha total de R$ 516 milhões deste mês.

Também no fim deste mês, o Governo quita o débito de quase R$ 1 bilhão do passivo deixado pela última gestão, com o pagamento da última parcela da última das quatro folhas em atraso, referente a dezembro de 2018, para quem recebe acima de R$ 6,5 mil. Mais de 90% do funcionalismo já está com o salário em dia desde 30 de abril.

Escolas como o CEI Romualdo e Roberto Freire e o Marista esperam aumento do número de inscritos no Exame. Foto: Adriano Abreu

Com as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM 2022) abertas na última terça-feira (10), a expectativa é de que neste ano haja maior participação dos estudantes, visto que há maior controle da pandemia da covid-19. Somente no primeiro dia de inscrições, o ministro da Educação Victor Godoy Veiga, revelou que foi atingida a marca de 1 milhão de inscritos para o exame. No Rio Grande do Norte, em 2021, o número de inscrições para o recuou 43,34% em relação a 2020. Foram 73.141 alunos que se inscreveram para a prova. Contudo, para este anos, as escolas estão otimistas de que o número será bem maior e executam planos de estudo com foco em estimular os estudantes.

A Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC/RN) informou que está discutindo as ações de apoio aos estudantes na preparação do exame, focadas para acontecer no segundo semestre, sendo a mais tradicional delas em formato de aulões preparatórios. No ano passado, além desses a SEEC também disponibilizou conteúdos em TV aberta.

Na rede privada o otimismo é evidente, como no Colégio CEI (Romualdo e Roberto Freire), onde a expectativa é positiva, seja pelo comportamento que os alunos demonstram em relação ao exame, seja pelas estratégias que a rede implementa com foco nas provas. “Existe um foco muito grande nessa preparação. Fizemos avaliações diagnósticas potentes, com olhar significativo na aprendizagem do aluno. Nas evidências dessas aprendizagens e com base neste diagnóstico, estabelecemos estratégias de acompanhamento do movimento dos alunos através de análise de dados e retroalimentação de planejamento, aliado às atividades de enriquecimento curricular que a escola já possui”, explicou a orientadora pedagógica do colégio, Fabiana Reis.

Essas atividades que a escola desenvolve passam por uma carga horária expressiva, atendimentos individualizados, elaboração de rotina de estudos pela coordenação e pela equipe de psicologia, além de uma série de ações que fazem com que a preparação tenha o êxito dos alunos como o principal objetivo. “Hoje são 5 turmas de pré-concluintes e, pelas nossas pesquisas, o número de inscritos será quase na sua totalidade, como tem sido nos outros anos. No último ano, cerca de 120 alunos nossos fizeram o ENEM e acreditamos que teremos em média 160 alunos neste ano”, prevê a orientadora.

Tribuna do Norte

A partir deste domingo (15), os pré-candidatos que vão disputar as eleições de outubro estão autorizados a realizar campanha prévia de financiamento coletivo, modalidade conhecida como vaquinha virtual ou crowdfunding.

Pelas regras eleitorais, a arrecadação será feita por empresas especializadas que foram cadastradas previamente na Justiça Eleitoral. A liberação dos recursos está condicionada ao pedido de registro de candidatura, à obtenção de CNPJ e a abertura de conta bancária.

Durante a campanha de arrecadação, os pré-candidatos não poderão fazer pedidos de votos e propaganda eleitoral antecipada.

O primeiro turno será realizado no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Um eventual segundo turno para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro.


Playlist pode ser ouvida no Spotify do Ministério do Turismo. Crédito: Divulgação/MTur

Seleção de músicas inclui clássicos dos festejos juninos que nunca saem de moda

"Olha que isso aqui tá muito bom, isso aqui tá bom demais!", é o que diz a clássica canção do José Domingos de Morais, o nosso mestre Dominguinhos. A música, mesmo que involuntariamente, nos transporta para um dos maiores eventos do país, que permaneceu em pausa nos últimos dois anos por conta da pandemia de Covid-19 e que, agora, volta com força total: os festejos juninos. E, neste ritmo de São João, o Ministério do Turismo aquece o "arraiá" do Brasil disponibilizando uma playlist para preparar ou acalmar o coração ansioso dos brasileiros que não aguentam mais esperar.

"Estamos vivendo um momento único de retomada do turismo e os preparativos para as festas juninas são provas disso. Elas valerão por duas neste ano porque a espera finalmente acabou!", comemora o ministro do Turismo, Carlos Brito. Estimativas apontam que o São João é responsável por movimentar mais de R$ 1 bilhão apenas na região Nordeste.

Com uma seleção de 21 músicas, a lista do Ministério do Turismo no Spotify destaca canções que nunca saem de moda na voz de personalidades como Dominguinhos, Luiz Gonzaga, Alceu Valença e Lucy Alves. Confira AQUI.

CALENDÁRIO DE EVENTOS - Entre os mais de 30 festejos já cadastrados no Calendário Nacional de Eventos do Ministério do Turismo para este ano, está o São João de Caruaru (PE), que começa em 04 de junho. Além deste, faz parte ainda do Calendário o Bumba-Meu-Boi de São Luís, reconhecida como Patrimônio Cultural do Brasil pelo Iphan e da Humanidade pela Unesco e que movimentará a capital maranhense a partir de 14 de junho.

No município de Corumbá (MS), a partir de 22 de junho, turistas e moradores poderão matar a saudade do Arraial do Banho de São João, uma prática tradicional e secular do estado. Durante a festa são realizadas várias atividades como os Concursos de Andores e de Quadrilhas. Em 2021, o Banho de São João foi declarado patrimônio da cultura imaterial do Brasil pelo Iphan. Para conferir a lista, clique AQUI.

Por Kiara Mila Goulart
Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

 Foram divulgados os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste sábado (14), de acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass):

– O país registrou 92 óbitos nas últimas 24h, totalizando 664.872 mortes;

– Foram 17.355 novos casos de coronavírus registrados, no total 30.682.094;

A média móvel de óbitos nos últimos sete dias é de 107. A a média móvel de novos casos é de 17.652.

O ministério da Saúde calcula que mais de 29,7 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

 O Rio Grande do Norte alcançou neste sábado (14) a marca de 30 dias sem óbito por Covid-19.

O quadro se dá principalmente por conta do avanço da vacinação em todas as faixas etárias, esforço feito em parceria entre Governo Federal, Governo do Estado e municípios potiguares.

Atualmente o RN conta com 2.959.606 pessoas vacinadas com a primeira dose, o que representa 93% da população. Com a segunda dose são 2.669.722, totalizando 84%. Com a terceira dose são 1.535.563, 48% da população. Ao todo, 7.253.122 doses foram aplicadas em todos os municípios.

Fonte: Heitor Gregório
Deputado Dr. Bernardo, Ladeado pela Prefeita Maria Helena e pelo Vice-prefeito Antonimar
Vereadores, Secretários Municipais e demais correligionários do sistema político da Prefeita Maria Helena e do Vice Antonimar.

A oficialização do apoio à reeleição de Dr. Bernardo,  aconteceu em reunião realizada na tarde/noite de ontem na Fazenda Cajuais,  com as presenças da Prefeita Maria Helena e do Vice Antonimar, como também das Vereadoras Jéssica Queiroga, Presidente da Câmara, Maria Alexandre, Secretária da Mesa e do Vereador Vilmar Araújo, Vice-presidente da Casa.

Os Vereadores e Secretários que não compareceram justificaram ausências, inclusive o Secretário Escolástico Paulino,  que declarou voto ao deputado através de mensagem no zap.

Compareceram ainda os seguintes Secretários: Ercílio, Laédna, Branca de Antonimar,  Keyla e o Procurador Nádson Sales, como também os auxiliares diretos da Prefeita Maria Helena, quais sejam: Laíze, Elifran, Carlos Henrique,  Betinho e Marcos, assessor de comunicação e muitos outros.

O Apoio a Dr. Bernardo sela a amizade histórica dos municípios de Almino Afonso e Olho D'água do Borges, pois este município já integrou a Comarca de Almino Afonso, do qual a família de Dr. Bernardo, inclusive seu Genitor já foi Prefeito por mais de uma vez.  Dr. Bernardo e Abel Filho também foram prefeitos e, agora, a atual Prefeita Jéssica,  é filha de Dr. Bernardo.

O apoio do sistema político da Prefeita Maria Helena e do Vice Antonimar  à reeleição de Dr. Bernardo vai contribuir indiscutivelmente com o progresso de Olho D'água do Borges.

Por isso, Dr. Bernardo,  confiamos plenamente no vosso apoio para o desenvolvimento do nosso município, pois nossos  munícipes  tem raízes profundas de amizade.

Parabéns aos gestores deste município e ao Dep. Dr. Bernardo...

ESTAMOS JUNTOS E CONFIANTES NO VOSSO TRABALHO EM PROL DESTE MUNICÍPIO. 

Pronto.

O presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB, deputado Ezequiel Ferreira, cumpriu o que declarou em nota conjunta com o deputado federal Walter Alves, presidente do MDB.

Onde um estiver o outro estará.

Vice na chapa de reeleição da governadora Fátima Bezerra, Walter está em Apodi.

Ezequiel também.

Walter está de verde.

Ezequiel também.

Os dois, mais o ex-senador Garibaldi Filho, foram recebidos pelo prefeito Alan Silveira (MDB), antes da solenidade de assinatura de ordem de serviço para construção da Ponte do Vale, no valor R$ 1,5 milhão, dos quais R$ 800 mil são de emenda parlamentar do deputado Walter.

FONTE: thaisagalvao.com.br

 Foto: Letícia França

Tem dúvidas sobre como tirar ou regularizar o título de eleitor? Ou qual seu local de votação? É só chamar a Celina, a assistente virtual do Tribunal Regional do Rio Grande do Norte (TRE-RN). Ela vai ajudar a esclarecer as principais dúvidas relacionadas aos procedimentos e serviços prestados pela Justiça Eleitoral e também informações sobre as Eleições 2022.

O serviço, criado para as Eleições de 2020, passou por uma reformulação e está disponível no site do TRE-RN e no aplicativo Telegram, seja por meio do celular, tablet ou computador. Interagindo com a Celina é possível saber informações sobre os aplicativos da Justiça Eleitoral, cartórios eleitorais, multas, justificativa, biometria, candidaturas, emissão de certidões, telefones e endereços.

O presidente do TRE-RN, desembargador Gilson Barbosa, destaca que a Celina é um caminho virtual eficiente para que o eleitor tenha acesso rápido e fácil a todas as informações que precisa para votar com tranquilidade nas Eleições deste ano.

“O nosso objetivo é levar informações corretas e confiáveis. Se o cidadão tiver alguma dúvida sobre processo eleitoral, ou seu local de votação, por exemplo, a Celina está pronta para respondê-lo. A assistente virtual Celina é um importante mecanismo de transparência e informação para a população”, destaca o presidente do TRE-RN, desembargador Gilson Barbosa.

Para interagir com a Celina, basta acessar o Portal do TRE-RN, no endereço celina.tre-rn.jus.br ou buscar o usuário @celina_tre_bot no mensageiro Telegram.

Homenagem a Celina Guimarães

A assistente virtual do TRE-RN recebeu o nome de Celina em homenagem a potiguar Celina Guimarães, primeira eleitora do Brasil. A professora Celina Guimarães Viana requereu sua inclusão no rol de eleitores da cidade de Mossoró em novembro de 1927, com base na lei eleitoral do mesmo ano que determinava, no artigo 17, que no Rio Grande do Norte poderiam “votar e ser votados, sem distinção de sexos”, todos os cidadãos que reunissem as condições exigidas pela lei.

A professora marcou seu nome na história do Rio Grande do Norte e do Brasil, abrindo o caminho para que outras 19 mulheres exercessem seu direito de voto nas eleições de 5 de abril de 1928, e dando início à participação política feminina nacional. Celina faleceu em 1972, em Minas Gerais.

Portal da Tropical


 
Raimundo Alves explica teor da aliança com Carlos Eduardo Alves (Foto: reprodução)

Questionando no Foro de Moscow a respeito da falta de retorno eleitoral do ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) na aliança com o PT, o secretário chefe do gabinete civil Raimundo Alves disse se tratar de uma parceria com uma finalidade tática.

Ele revelou que a aliança com o PDT se deu por falta de uma candidatura competitiva ao Senado no governismo e porque Carlos Eduardo caminhava para repetir a polarização de 2018 com a governadora Fátima Bezerra (PT). “A aliança política pode cumprir um papel eleitoral ou pode cumprir um papel tático. Esta aliança com o PDT cumpriu um papel tático. Nós tínhamos uma certa fragilidade com relação ao Senado e nós tínhamos um protagonismo que hoje é no Senado, mas antes era para o Governo… essa situação se movimentou para o Senado”, explicou.

Para Raimundo o crescimento de Carlos Eduardo coincidindo com a oscilação dos números sobre Fátima (saiba mais AQUI) não reflete apenas a aliança, mas passa pela retirada de candidaturas. “Nós tínhamos duas candidaturas de ministros que tinham dois dígitos e a saída de um não somou para o que ficou. Talvez esse crescimento não tenha se dado só por isso (aliança com Fátima). O Partido dos Trabalhadores tem interesse em evitar o crescimento do bolsonarismo. Isso é um papel tática. A transferência de votos não se dá no automático”, justitificou.

CEA com Ciro

Raimundo também explicou que o apoio de Carlos Eduardo Alves a Ciro Gomes não é alvo de questionamentos no diálogo com o PDT. “A situação no Estado temos que tratar de forma diferente e nós temos liberdade para isso. Essa situação do PDT a nosso ver não está definida em nível nacional. Não temos esse condicionalmente votar em Lula”, garantiu.

Ele não considera a aliança contraditória: “O PDT é um partido do campo popular. A aliança com o PDT é natural e não tem essa obrigação. A gente torce para que o PDT componha uma aliança com o presidente Lula. Aqui no Estado isso nunca foi pautado até porque os partidos têm a sua autonomia. Aqui no Estado isso nunca foi condicionado”.

Raimundo também explicou que há diferenças nas alianças com PDT e MDB. A primeira foi conduzida pelo plano local e a segunda com participação direta do PT nacional. “A situação do MDB teve uma influencia direta da direção nacional”, declarou.

Fonte: Blog do Barreto

 Atos estão publicados no Diário Oficial  do Estado do RN, edição deste sábado, 14/05/2022.

Clique AQUI  e Veja


 Por intermédio da Secretaria Estadual da Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), o Governo do Estado está convocando 400 concursados para cargos na Policia Civil do Rio Grande do Norte, a se inscreverem no Curso de Formação Profissional, a ser realizado entre os dias 6 de junho e 31 de agosto deste ano. As matriculas de forma presencial e online começam na próxima segunda-feira (16) e vão até sexta-feira (20).

O Curso de Formação está a cargo da Academia de Polícia Civil (Acadepol) e os candidatos aos cargos de agente de polícia substituto (300), delegado substituto (50) e escrivão (50) terão de cumprir uma carga horária mínima de 90% e terão direito a uma bolsa no valor de 50% da parcela única inicial da carreira a que concorre.

As matrículas podem ser feitas online através do link https://acadepol.policiacivil.rn.gov.br/AcadSis/Home/login, das 8h do dia 16 até as 23h59 do dia 20

Presencialmente, as matrículas serão realizadas no auditório da Polícia Civil, na avenida Interventor Mário Câmara, 3532, Cidade da Esperança, no horário das 8 horas às 12 horas e das 14 horas às 18 horas, por ordem alfabética.

CRONOGRAMA DE ATIVIDADE

– Período das matrículas on-line e presenciais – 16 a 20/05
– Homologação provisória das matrículas – 24/05
– Interposição de recurso sobre indeferimento de matrícula – 25/05
– Homologação final das matrículas na 1ª Chamada – 26/05
– Edital de convocação em caso de 2ª chamada – 26/05
– Período de matrículas on-line e presenciais em 2ª chamada 27, 30 e 31/05
– Homologação provisória das matrículas da 2ª chamada 01/06
– Interposição de recurso sobre indeferimento de matrícula da 2ª chamada 02/06
– Homologação definitiva das matrículas da 2ª Chamada 03/06
– Aula inaugural 06/06
– Término do Curso de Formação 31/08
– Homologação do resultado do Curso de Formação 02/09

Confira aqui lista de convocados:
http://diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn3/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20220512&id_doc=768150

 FOTO: ABDIAS PINHEIRO / SECOM/TSE

Tentativa do presidente Bolsonaro de incluir as Forças Armadas no processo eleitoral foi frustrada por fala dura do ministro Edson Fachin.

O ministro, que é presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), fez uma declaração nesta quinta-feira, 12, destacando que a palavra final nas eleições é da Justiça Eleitoral.

“Quem vai ganhar as eleições” neste ano “é a democracia”, e “quem trata de eleições são forças desarmadas, portanto, dizem respeito à população civil”, enfatizou Fachin.

Ao lado dos outros seis ministros do TSE, falou que em sua presidência haverá diálogo, mas que jamais se dobrará a quem quer que deseje tomar as rédeas do processo eleitoral.

A Corte de ministros visitou o local onde está sendo feito o último Teste Público de Segurança do Sistema Eletrônico e Votação, o objetivo foi sanar quaisquer vulnerabilidades identificadas anteriormente.

Com informações de O Globo


Raimundo Alves analisa candidatura dupla no governismo (Foto: reprodução)

Raimundo admite que governismo pode conviver com duas candidaturas ao Senado, mas acha difícil liberação dentro do PT para votar em Motta

O secretário chefe do gabinete civil Raimundo Alves em conversa com o Foro de Moscow disse que o governismo foi pego de surpresa com a candidatura do deputado federal Rafael Motta (PSB) ao Senado e que é possível conviver com duas candidaturas de aliados ao Senado. “Nós ainda vamos discutir como isso vai se dar. Legalmente é possível isso (apoio de duas candidaturas ao Senado), mas politicamente a gente vai ter que discutir e ver como vai encaminhar isso”, complementou.

Por outro lado ele deixou bem claro que a aliança é com o PDT do ex-prefeito Carlos Eduardo Alves. “O PT deverá ter uma posição no dia 21 de apoio ao PDT tendo a candidatura do ex-prefeito Carlos Eduardo, mas isso não impede uma aliança em separado com o PSB”, declarou.

Questionando se há chances de o PT liberar os filiados para votar em Carlos ou Rafael para o Senado ainda que com a aliança formal com o PDT, Raimundo descartou essa possibilidade. “O PT nunca tomou esse tipo de posição (liberar a bancada). O PT sempre verticaliza as suas posições. Não é tradição e não creio nessa liberação. O que está em pauta no encontro de tática do dia 21 é a candidatura de Carlos Eduardo”, argumentou.

Ele admitiu existir um incômodo com a dupla postulação ao Senado no governismo, mas respeita a decisão do PSB. “Essa questão evidentemente é um incômodo não há como negar, mas é uma situação que a gente tem que respeitar os limites e as autonomias dos partidos”, analisou. “A candidatura de Rafael Motta não foi colocada para dentro dos partidos que fazem parte da base da governadora”, complementou.

 Reprodução/TV PT

“Ele [Bolsonaro] está dizendo que a urna eletrônica vai dar em roubo. Sabe por que eu confio na urna eletrônica? Porque se pudesse roubar nela, um torneiro mecânico não teria sido eleito presidente da República duas vezes.”

Fonte: O Antagonista

DESTE BLOG: O Golpista Jair, foi eleito várias vezes para a Câmara dos Deputados e uma vez para a Presidência, sempre através da Urna Eletrônica. Mesmo assim, acha que houve fraude.
Enquanto isso, o Estadista Lula, não se preocupa com a urna, mas com o povo.


 Foto: Reprodução

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, de forma unânime, pela constitucionalidade da extensão de licença-maternidade pelo prazo de 180 dias a servidor público que seja pai solteiro. Os ministros apreciaram nesta quarta-feira (11/5) o Recurso Extraordinário 1348854, no qual o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) questionava decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) que aceitou a licença por 180 dias e o pagamento mensal a servidor da autarquia federal.

O caso, sob relatoria do ministro Alexandre de Moraes, chegou à Corte porque o INSS não aceitou a concessão do benefício a um perito médico que trabalha na autarquia. O homem é pai de gêmeos, que foram gerados por meio de fertilização in vitro e gestação por substituição, a chamada barriga de aluguel.

Em decisão do colegiado, o TRF-3 concluiu que o homem tinha direito, além da licença, ao salário-maternidade. O INSS alegou, no entanto, que a licença-maternidade deve ser dada à mulher gestante, “em razão de suas características físicas e diferenças biológicas que a vinculam ao bebê de modo diferenciado do vínculo com o pai”.

Ressaltou ainda que os pais já têm direito a licença-paternidade de cinco dias, e que a concessão do novo benefício sem a correspondente fonte de custeio viola a Constituição Federal e traz prejuízo aos cofres públicos. “Nenhum benefício ou serviço da seguridade social poderá ser criado, majorado ou estendido sem a correspondente fonte de custeio total”, alegou o INSS no processo.

Metrópoles

AnteriorPagina Anterior ProximaProxima Pagina Página inicial