21 março 2021

RN ganha primeiro aterro sanitário privado para atender mais de 1 milhão de habitantes

Uma importante conquista social, econômica, ambiental e administrativa foi alcançada pelo Rio Grande do Norte. O estado agora tem o primeiro aterro sanitário privado, ou seja, feito totalmente pela iniciativa de empresas que reforçam seu compromisso com o desenvolvimento sustentável.

A Central de Tratamento de Resíduos – CTR Potiguar localizada no município de Vera Cruz, na Região Metropolitana de Natal, obteve do Idema a licença de operação e está pronta para receber e processar resíduos sólidos de diversas cidades potiguares, já que a capacidade do aterro é de atender a demanda de até 1.150.000 de pessoas.

Com vida útil de 20 anos e capacidade de receber 537 toneladas de lixo por dia podendo aumentar conforme a necessidade, a CTR Potiguar soluciona problemas acumulados ao longo das últimas décadas em diversas regiões do estado que, sem destinação adequada para seus resíduos sólidos, acabaram gerando problemas de ordem ambiental, econômica, social e jurídica.

 

0 comentários:

Postar um comentário

Translate