26 setembro 2020

MULHERES CANDIDATAS: Cartilha da Câmara dos Deputados orienta mulheres candidatas nas eleições

                        Urna eletrônica. Foto: [Elza Fiúza/Agência Brasil]

A Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados lançou nesta sexta-feira (25) a cartilha "Mais Mulheres na Política - Eleições 2020". (veja aqui na íntegra)

O documento, que foi confeccionado pela Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres, em colaboração com a Secretaria da Câmara, conta a história do voto feminino no Brasil. O texto também fala sobre a importância de se elegerem mulheres e traz detalhes sobre os trabalhos de vereadoras e prefeitas, além de um planejamento de campanhas. A cartilha também tem um passo a passo com informações sobre as eleições deste ano.

O objetivo é orientar candidatas em 2020 e estimular mais mulheres a concorrer a cargos públicos, já que apesar das mulheres representarem 52,5% do eleitorado, menos de 8 mil foram eleitas para mandatos nas câmaras municipais (13% das vagas em disputa) nas eleições de 2016, e apenas 636 mulheres foram eleitas para governar, o que representa 11,6% das prefeituras do país, e em municípios com menor densidade populacional e menor renda per capita.


Reconhecimento

Menos de 15% da Câmara e de 14% do Senado, as mulheres tiveram representatividade expressiva no Prêmio Congresso em Foco 2020. Presentes em todas as categorias, elas foram 31 do total de 75 parlamentares premiados nesta edição.

Há atualmente 76 deputadas federais, das quais 15 foram premiadas. No Senado, em que 11 mulheres representam os estados da Federação, três senadoras foram agraciadas – Simone Tebet (MDB-MS), Soraya Thronicke (PSL-MS) e Eliziane Gama (Cidadania-MA).

Elas representam 50% dos premiados na categoria Melhores na Câmara, tanto pelo voto popular quanto na escolha do júri especializado. A edição deste ano bateu recorde de votação, com mais de 2 milhões de votos em duas semanas.


 

0 comentários:

Postar um comentário

Translate