27 junho 2020

LEI DO AUXÍLIO EMERGENCIAL DA CULTURA: Bolsonaro deve Sancionar até o dia 30, sob pena do Congresso Nacional fazer Sanção

O texto prevê auxílio emergencial de R$ 600, pagos em três parcelas, para trabalhadores da área cultural com atividades suspensas por conta da pandemia. Esse benefício contempla artistas, produtores, técnicos, curadores, oficineiros e professores de escolas de arte, violeiro, palhaço, sanfoneiros, etc.
Prefeitura de Olho D'água do Borges, através da Secretaria da Educação e da Cultura  fará CADASTRO CULTURAL  a partir da próxima Semana.
Pessoas e instituições da área serão convocadas pelas redes sociais da Prefeitura, como também através de carro de som.

VEJA LEI NA ÍNTEGRA:




 


0 comentários:

Postar um comentário

Translate