07 abril 2020

DEMISSÃO DE MANDETA: Bolsonaro não foi convencido, foi impedido


MILITARES QUE ATUAM NO PALÁCIO DO PLANALTO IMPEDIRAM DEMISSÃO

Nem Paulo Guedes e Mandetta obedecem o Presidente Bolsonaro

O presidente Bolsonaro tentou exonerar o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, chegou a convidar o deputado federal e ex-ministro Osmar Terra para assumir o ministério, mas foi impedido pelos militares. Bolsonaro marcou uma entrevista coletiva para anunciar o novo ministro, mas foi desmarcada.
Bolsonaro tentou reagir ao impedimento imposto pelos alto clero das Forças Armadas, mas recuou devido aos argumentos.
Os militares deixaram claro ao presidente que a exoneração do ministro da Saúde poderia levar o país ao caos e desordem, isso ocorrendo as Forças Armadas seriam obrigadas a intervir pelo Congresso ou pelo Supremo Tribunal Federal em consonância com o Artigo 142 da Constituição Federal.
Bolsonaro também ficou ciente do seu afastamento da Presidência da República que teria o apoio da maioria dos governadores.

Diante desde quadro, está claro que durante à pandemia Bolsonaro não governa mais o Brasil.


Clique AQUI e Leia matéria completa




0 comentários:

Postar um comentário

Translate