23 maio 2019

Enfim sem fuzis

Finalmente um surto de racionalidade…

O presidente Jair Bolsonaro recuou hoje e alterou o decreto do porte de armas, proibindo a compra e porte de fuzis, espingardas e carabinas por cidadãos comuns.

Antes o presidente tinha anunciado a liberação.

Recuou por pressão, claro.

0 comentários:

Postar um comentário

Translate