16 fevereiro 2019

Governo do RN lança edital para alfabetização de trabalhadores do campo

Assecom/GovernoCidadão13/09/2017
Estão sendo oferecidas 200 vagas

Governo lança edital para alfabetização de trabalhadores do campo
Serão contratados 100 alfabetizadores e 100 técnicos agrários para alfabetizar 2.500 pessoas do campo em 29 municípios do RN

A população analfabeta no RN ultrapassa os 400 mil habitantes. Priorizando a alfabetização como condição necessária para uma educação de qualidade, o Governo do Rio Grande do Norte, através da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura, lançou na manhã de hoje (30), o edital para contratação de educadores e técnicos agrários que atuarão na alfabetização de 2.500 trabalhadores do campo em 29 municípios do RN. A solenidade de lançamento aconteceu às 9h, no Auditório Professora Angélica Moura, na sede da SEEC, em Natal.
O Projeto de Alfabetização com Qualificação Social e Profissional conta com investimentos do acordo de empréstimo do Banco Mundial, via Governo Cidadão, e vai contratar 100 alfabetizadores e 100 técnicos agrários que, distribuídos em 100 turmas, têm como objetivo diminuir o índice de analfabetismo no RN.
“Esse projeto atende os anseios da população do campo, promovendo a alfabetização e buscando o desenvolvimento rural sustentável”, destacou o Secretário de Educação, Getúlio Marques Ferreira
Para gerir a contratação de pessoal, a SEEC selecionou, via pregão, a Fundação de Apoio a Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN – FUNCERN. O edital pode ser acessado no site da Educação do RN- educacao.rn.gov.br e no site, www.funcern.br.
“O projeto é destinado para jovens e adultos do campo e vai atender mais de 80 comunidades presentes em 29 municípios do RN”, disse, a Secretária Adjunta, Márcia Gurgel.
Para Vanusa Macedo, Dirigente Nacional do Movimento Sem Terra no Rio Grande do Norte, este é um momento ímpar para as comunidades do campo. “O campo aguardava ansioso por esse projeto que vai viabilizar a trabalhadores e trabalhadoras dos assentamentos diversas possibilidades de aprendizado e de trabalho”, destacou.

As turmas atenderão a 2.500 trabalhadores do campo, já matriculados, e serão sediadas nos municípios de Extremoz, São Gonçalo do Amarante, Macaíba, Canguaretama, Lagoa Salgada, Nísia Floresta, Vera Cruz, Ielmo Marinho, São Paulo do Potengi, São Pedro, São Tomé, São José de Campestre, João Câmara, Maxaranguape, São Miguel do Gostoso, Touros, Pedra Grande, Pureza, Caiçara do Norte, Ceará Mirim, Macau, Guamaré, Pedro Avelino, Cel. João Pessoa, Venha Ver, Carnaubáis, Mossoró, Apodi e Campo Grande.

CLIQUE NO LINK ABAIXO E TENHA ACESSO AO EDITAL

Arquivos anexos:
Educação_Processo Seletivo Simplificado_VERSÃO FINAL _ 30 janeiro 19 (1).pdf

0 comentários:

Postar um comentário

Translate