31 outubro 2018

Ufersa – RN divulga Concurso Público de Professores Efetivos

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido – Ufersa, do Estado do Rio Grande do Norte, torna pública as inscrições do Concurso Público para Professor Efetivo de Magistério Superior.

São disponibilizadas quatro vagas de Nível 1 da Classe A.

Vale ressaltar que os contratados serão lotados nos campi Angicos, Caraúbas, Pau dos Ferros e Mossoró – CCBS, e devem ser beneficiados com remuneração inicial do salário básico de R$ 4.463,93, acrescido da Retribuição por Titulação que alterna de R$ 2.204,27 e R$ 5.136,99 , totalizando a R$ 9.600,92 e auxílio alimentação, avaliado em R$ 458,00, para atuarem em regime de trabalho de 40h com dedicação exclusiva, DE.

Para participar, os interessados devem requerer sua inscrição até o dia 8 de novembro de 2018, exclusivamente no endereço eletrônico:sistemas.ufersa.edu.br, efetuando o pagamento da taxa de inscrição de R$ 100,00, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU).

Prefeita Municipal CONVOCA Membros do Conselho Municipal de Turismo para serem empossados neste dia 01/11/2018







A Prefeita de Olho D’água do Borges, por intermédio do Secretário Municipal de Turismo, CONVOCA os Membros Titulares e Suplentes do Conselho Municipal de Turismo, nomeados através da Portaria nº 186/2018-GP, para serem oficialmente empossados em reunião que será realizada às 16h00 deste dia 1º de novembro de 2018, tendo como local a Câmara Municipal.
CONVOCA também, os proprietários de Bares e Restaurantes .
Após a posse, os membros reunir-se-ão em Assembleia para a Eleição  da Diretoria, composta por: Presidente, Vice-presidente e Secretário.
A relação dos Membros Convocados está na Portaria abaixo.

Palácio Mário Solano de Moura, em Olho D’água do Borges, 30 de novembro de 2018.
MARIA HELENA LEITE DE QUEIROGA
Prefeita
ESCOLÁSTICO PAULINO FILHO
Secretário Municipal de Turismo











30 outubro 2018

Governadora Fátima Bezerra terá apoio na Assembleia Legislativa

Eleita governadora do Rio Grande do Norte neste domingo (28), Fátima Bezerra (PT) ainda não sabe se terá maioria na Assembleia Legislativa quando começar seu mandato, em 1º de janeiro de 2019. Dos 24 deputados que irão compor o parlamento estadual em 2019, metade esteve com a petista desde o início da campanha ou passou a apoiá-la no segundo turno.

Dos demais, oito eleitos fizeram campanha a favor de outros candidatos derrotados ao governo e até então permanecem como oposição e quatro declararam que irão manter uma postura de independência ou de neutralidade.
Confira a lista:
Apoio
Isolda Dantas (PT)
Francisco do PT (PT)
Kleber Rodrigues (Avante)
Eudiane Macedo (PTC)
Ubaldo Fernandes (PTC)
Sandro Pimentel (Psol)
Ezequiel (PSDB)
Raimundo Fernandes (PSDB)
Galeno Torquato (PSD)
Vivaldo Costa (PSD)
George Soares (PR)
Souza (PHS)
Oposição
Coronel Azevedo (PSL)
Dr. Bernardo (Avante)
Gustavo Carvalho (PSDB)
Tomba Farias (PSDB)
Hermano Morais (MDB)
Getúlio Rêgo (DEM)
Albert Dickson Oftamologista (PROS)
José Dias (PSDB)
Independência ou neutralidade
Kelps (Solidariedade)
Allyson Bezerra (Solidariedade)
Nelter Queiroz (MDB)
Cristiane Dantas (PPL)
G1 RN

13º 2017? Milhares de servidores públicos do Governo do RN continuam sem definição sobre o 13º salário de 2017

Os servidores públicos do Estado do RN querem saber: Cadê o 13º ? Estamos chegando no final do ano de 2018 e até agora o Governo do Estado sequer apresentou uma previsão para concluir o pagamento do décimo terceiro salário de 2017.

A diretoria do SINSP/RN teve a confirmação de que o Governo do Estado fecha mais uma folha de pagamento e não dá perspectiva de conclusão do 13º salário dos servidores públicos do Estado do ano passado.

O SINSP/RN vem à público ressaltar nossa indignação e revolta com a falta de compromisso e respeito do Governo com seus servidores. Os servidores do estado do RN seguem com os salários atrasados, SIM, pois o Governo segue sem concluir o pagamento do 13º salário de mais de 16 mil servidores, ativos, aposentados e pensionistas. E reafirmar nosso compromisso na luta e na defesa dos direitos dos servidores da administração direta do RN

Quem não recebeu o 13º de 2017?

A faixa de servidores públicos que recebem acima de R$ 5.001,00 ativos, aposentados e pensionistas. Não receberam o 13º do ano passado e não tem nenhuma expectativa de receber a antecipação do 13º de 2018.

O Governo Robinson Faria espalhou o caos no Rio Grande do Norte. Após dois anos de salários recebidos com atraso, os servidores públicos do RN, estão endividados, doentes, sem credibilidade nenhuma no mercado local. Antes era orgulho ser servidor público, hoje é motivo de vergonha. Pois servidor público, não tem data para receber salário, não paga suas contas em dia, não tem crédito na praça. É ridicularizado e humilhado.

Governadora eleita Fátima Bezerra é recordista de votos em disputas para o Governo do RN


Eleita governadora do Rio Grande do Norte, a senadora Fátima Bezerra é recordista de votos em disputas para o Governo.

Eis os números de todos os governadores eleitos com voto popular no Estado, de 1982 para cá.

Começando por 1982, José Agripino Maia foi eleito governador com 389.924 votos, o equivalente a 57,58% do total.

O índice, o mesmo de Fátima hoje, porém o eleitorado do Estado era infinitamente menor do que o de agora.

Em 1986 foi Geraldo Melo o governador eleito com 464.559 votos – 50,11% do total.

José Agripino Maia foi eleito mais uma vez governador do Rio Grande do Norte em 1990. Ele teve 525.229 votos, o equivalente a 52,09%.

Em 1994 o governador eleito foi Garibaldi Filho com 489.765. Em índices percentuais, foram 52,67%.

Garibaldi foi reeleito 1998 com 560.667 votos, equivalentes a 50,17%.

Em 2002 a governadora eleita foi Wilma de Faria, com 820.541votos.

Em pontos percentuais, 61,05%.

Em 2006, Wilma de Faria foi reeleita com 824.101 votos – 52,38% do total.

Em 2010 a governadora eleita foi Rosalba Ciarlini, com 813.813 votos – 52,46%

E em 2014, o governador eleito foi Robinson Faria. Foram 877.268 votos, sendo 52,46% do total.

Em 2018 Fátima Bezerra se elegeu governadora batendo recorde de números e percentuais: 1.022.910 votos, 57,60% do total.

Taí comprovado que Fátima obteve a maior votação da história de eleições para o Governo do Rio Grande do Norte.

29 outubro 2018

Governadora eleita do RN vence em 18 dos 20 maiores colégios eleitorais

As eleições para governador do Estado do Rio Grande do Norte foram decididas em segundo turno, realizadas neste domingo (28).
Fátima Bezerra só perdeu em Natal e Parnamirim, entre os maiores colégios eleitorais do estado (Foto: Assessoria)
O blog fez um levantamento dos resultados a partir de dados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com os vinte maiores colégios eleitorais do estado do Rio Grande do Norte.
Fátima Bezerra (PT) venceu em dezoito (18), Carlos Eduardo Alves (PDT) em apenas em dois: Natal e Parnamirim.  Confira:
Natal
. Carlos Eduardo (PDT): 60,76% (254.199 votos)
. Fátima Bezerra (PT): 39,24% (164.135 votos)
. Ausentes: 18,09% (100.708 votos)
. Brancos: 1,62% (7.368 votos)
. Nulos: 6,67% (30.440 votos)
Mossoró
. Fátima Bezerra (PT): 54,17% (68.713 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 45,83% (58.145 votos)
. Ausentes: 16,75% (29.181 votos)
. Brancos: 2,45% (3.556 votos)
. Nulos: 10,06% (14.595 votos)
Parnamirim
. Carlos Eduardo (PDT): 61,14% (56.369 votos)
. Fátima Bezerra (PT): 38,86 % (35.829 votos)
. Ausentes: 14,72% (17.519 votos)
. Brancos: 2,00% (2.028 votos)
. Nulos: 7,17% (7.273 votos)
São Gonçalo do Amarante
. Fátima Bezerra (PT): 53,25% (26.699 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 46,75% (23.443 votos)
. Ausentes: 15,53% (10.100 votos)
. Brancos: 1,62% (891 votos)
. Nulos: 7,12% (3.913 votos)
Ceará Mirim
. Fátima Bezerra (PT): 73,58 (28.739 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 26,42 (10.321 votos)
. Ausentes: 17,46% (8.992 votos)
. Brancos: 1,71% (727 votos)
. Nulos: 6,41% (2.726 votos)
Macaíba
. Fátima Bezerra (PT): 63,68% (23.355 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 36,32% (13.321 votos)
. Ausentes: 18,52% (9.222 votos)
. Brancos: 2,02% (819 votos)
. Nulos: 7,57% (3.071 votos)
Caicó
. Fátima Bezerra (PT): 64,11% ( 20.520 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 35,89%  (11.485 votos)
. Ausentes: 17,37% (7.417 votos)
. Brancos: 1,89% (668 votos)
. Nulos: 7,41% (2.615 votos)
Assu
. Fátima Bezerra (PT): 78,06 (23.976 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 21,94 (6.738 votos)
. Ausentes: 20,03% (8.368 votos)
. Brancos: 1,86% (621 votos)
. Nulos: 6,21% (2.075 votos)
Currais Novos
. Fátima Bezerra (PT): 65,04% (14.090 votos)
. Carlos Eduardo (PDT):  34,96%  (7.572 votos
. Ausentes: 19,40% 5.818
. Brancos: 2,18% 527
. Nulos: 8,20% 1.982
Nova Cruz
. Fátima Bezerra (PT): 61,06% (11.335 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 38,94% (7.230 votos)
. Ausentes: 15,98% (3.869 votos)
. Brancos: 1,83% (373 votos)
. Nulos: 6,88% (1.400 votos)
Apodi
. Fátima Bezerra (PT): 68,01% (14.673 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 31,99% (6.902 votos)
. Ausentes: 13,73% 3.688
. Brancos: 1,69% (392 votos)
. Nulos: 5,23% (1.212 votos)
Santa Cruz
. Fátima Bezerra (PT):  65,11%  (12.075 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 34,89% (6.470 votos)
. Ausentes: 15,62% (3.703 votos)
. Brancos: 1,44% (288 votos)
. Nulos: 5,89% (1.178 votos)
João Câmara
. Fátima Bezerra (PT): 67,41% (11.995 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 32,59% (5.800 votos)
. Ausentes: 16,40% (3.757 votos)
. Brancos: 1,50% (287 votos)
. Nulos: 5,60% (1.072 votos)
São José de Mipibu
. Fátima Bezerra (PT): 60,78% (12.842 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 39,22% (8.287 votos)
. Ausentes: 20,61% (6.184 votos)
. Brancos: 2,36% (562 votos)
. Nulos: 8,91% (2.123 votos)
Canguaretama
. Fátima Bezerra (PT):  77,49% (13.094 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 22,51% (3.804 votos)
. Ausentes: 18,58% (4.234 votos)
. Brancos: 1,87% (347 votos)
. Nulos: 7,07% (1.311 votos)
Touros
. Fátima Bezerra (PT):  64,14% (10.675 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 35,86% (5.968 votos)
. Ausentes: 19,97% (4.671 votos)
. Brancos: 2,11% (395 votos)
. Nulos: 8,97% (1.678 votos)
Pau dos Ferros
. Fátima Bezerra (PT): 72,75% (10.759 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 27,25% (4.031 votos)
. Ausentes: 18,51% (3.591 votos)
. Brancos: 1,43% (226 votos)
. Nulos: 5,00% (790 votos)
Macau
. Fátima Bezerra (PT): 74,93% (11.590 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 25,07% (3.878 votos)
. Ausentes: 24,04% (5.302 votos)
. Brancos: 1,66% (278 votos)
. Nulos: 6,00% (1.005 votos)
Areia Branca
. Fátima Bezerra (PT): 62,11% (8.821 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 37,89% (5.381 votos)
. Ausentes: 20,60% (4.204 votos)
. Brancos: 2,04% (331 votos)
. Nulos: 10,29%  (1.667 votos)
São Miguel
. Fátima Bezerra (PT): 84,00%  (9.370 votos)
. Carlos Eduardo (PDT): 16,00% (1.785 votos)
. Ausentes: 22,18% (3.680 votos)
. Brancos: 3,45% (446 votos)
. Nulos: 10,17% (1.314 votos)

 

Em Olho D'água do Borges, Fátima Bezerra obteve uma maioria acachapante sobre Carlos Alves


Em Olho D’água do Borges, Fátima Bezerra obteve uma maioria acachapante sobre Carlos Alves, ou melhor,  sobre a oposição comandada pelo ex-prefeito Aroldo Queiroga, pai do candidato derrotado Brenno Queiroga e mais três vereadoras.
A Prefeita Maria Helena Leite e aliados impuseram uma acachapante maioria de 1.438 votos de Fátima sobre Carlos Alves. Com isso, a oposição deve está ‘tonta’ e sem rumo para as eleições de 2020.
Enquanto isso,  a Prefeita Maria Helena Leite se credencia como favoritíssima rumo   à reeleição em 2020. 

VEJA OS NÚMEROS DAS ELEIÇÕES EM OLHO D’ÁGUA DO BORGES

Fátima obteve 2.240 votos, ou seja,  73,64% dos votos válidos, contra 802 de Carlos Eduardo, correspondente a 26,36% dos votos.
No 1º turno Fátima teve 1.528 votos no município.

Para Presidente a maioria de Haddad sobre Bolsomario foi de 1.979 votos. Fernando Haddad obteve  2.519 votos, equivalente a 82,35 %,  e Jari Bolsonarios 540 votos, que equivale a 17,65% dos votos validos.
A votação expressiva obtida por Fátima Bezerra e Haddad é fruto de muito esforço, união e um bom trabalho desenvolvido pelo grupo da prefeita no município, que conseguiu dar a maior vitória política a um candidato em toda história política do município.

Resultado oficial do 2º turno no RN

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) encerrou a apuração dos votos às 20h46min, mas às 18h40 o presidente Glauber Rêgo já havia confirmado a eleição da candidata Fátima Bezerra.

Ela foi eleita com com 57,60% dos votos (1.022.910 votos), enquanto Carlos Eduardo obteve 42,40% dos votos, que representou 753.035 votos.

Para presidente no RN, Fernando Haddad (PT) obteve 1.131.027 votos. Já Bolsonaro (PSL) ficou com 652.562 votos.

No Rio Grande do Norte, votaram 1.942.196 eleitores dos 2,3 milhões de eleitores que estavam aptos a votar, o que corresponde a 81,86% do eleitorado do RN. A abstenção foi de 18,14%, o que corresponde a 430.383 de eleitores. Houve o quantitativo de 34.072 (1,75%) votos brancos e 132.179 (6,81%) votos nulos.

Confira os resultados para os maiores colégios eleitorais do RN:
– Natal: 39,24% para Fátima Bezerra contra 60,76% para Carlos Eduardo
– Mossoró: 54,17% para Fátima Bezerra contra 45,83% para Carlos Eduardo
– Parnamirim: 38,86% para Fátima Bezerra contra 61,14% para Carlos Eduardo
– Caicó: 64,11% para Fátima Bezerra contra 35,89% para Carlos Eduardo
– São Gonçalo do Amarante: 53,25% para Fátima Bezerra contra 46, 75% para Carlos Eduardo

De acordo com informações da Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), das 7.389 urnas eletrônicas instaladas para votação no estado, apenas 49 precisaram ser substituídas, sem prejuízos para o processo. Esse dado corresponde a 0,61% das urnas totais do estado, deixando o RN abaixo da média de urnas substituídas no Brasil, que foi de 0,92%.

Embora tenham sido registradas 11 ocorrências ao longo do processo eleitoral no território potiguar, o presidente do TRE-RN, Desembargador Glauber Rêgo, avaliou o pleito como tranquilo e dentro da normalidade, considerando que as ocorrências apontadas foram, em maioria, infrações de menor grau. Segundo informações da Corregedoria Regional Eleitoral, setor do TRE-RN responsável pelo monitoramento das ocorrências, dos 11 casos citados, 07 foram registrados nas zonas eleitorais e 04 foram registrados pela polícia. Os casos aconteceram nos seguintes municípios: Passagem, Parnamirim, Mossoró, Serrinha, Lagoa D’Anta, Natal e Várzea.

Conheça os governadores eleitos no 2º turno


Da BBC News Brasil

As eleições para governador foram decididas no segundo turno em 13 Estados e no Distrito Federal – entre eles, os três maiores colégios eleitorais do País: São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) libera os resultados da apuração em tempo real. Confira:
Amapá

O governador do Amapá, Waldez Góes, foi reeleito com 52,35% dos votos válidos – 100% das urnas foram apuradas. Seu adversário, João Capiberibe (PSB), teve 47,65% dos votos.
Amazonas

Wilson Lima (PSC) foi eleito com 59,24% dos votos válidos. Amazonino Mendes (PDT) teve 40,76% dos votos – 94,29% das urnas foram apuradas.
Distrito Federal

A partir de 1º de janeiro, o Distrito Federal será governado por Ibaneis Rocha, do MDB.

Ele venceu a disputa no segundo turno com 69,79% dos votos válidos — 100% das urnas já foram apuradas. Rodrigo Rollemberg (PSB) ficou com 30,21%.


Ibaneis Rocha foi eleito em Brasília no pleito desse domingo, com a legenda do MDB (Foto: Web)
Mato Grosso do Sul

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) foi reeleito com 52,35% dos votos válidos.

Juiz Odilon (PDT) teve 47,65% dos votos. Todas as urnas já foram apuradas.
Minas Gerais
Em Minas Gerais, Romeu Zema (Novo) venceu com 71,75% dos votos válidos – 92,57% das urnas foram apuradas. O tucano Antonio Anastasia ficou em segundo, com 28,25%.

Zema será o primeiro governador do Partido Novo, que participa de sua primeira eleição geral.
Pará

Helder Barbalho (MDB) teve 55,41% dos votos válidos e foi eleito governador do Estado – 99,12% das urnas foram apuradas. Márcio Miranda (DEM) teve 44,59% dos votos.
Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro será governado pelo ex-juiz Wilson Witzel, do PSC. Ele teve 59,87% dos votos válidos. O ex-prefeito do Rio Eduardo Paes (DEM) ficou com 40,13% – todas das urnas foram apuradas.
Rio Grande do Norte

A petista Fátima Bezerra venceu no Rio Grande do Norte. Ela teve 57,6% dos votos válidos, contra Carlos Eduardo (PDT), que teve 42,4%. Segundo o TSE, todas as urnas foram apuradas.
Rio Grande do Sul

O tucano Eduardo Leite foi eleito no Estado com 53,62% dos votos válidos. José Ivo Sartori (MDB) teve 46,38% dos votos.
Rondônia

O Coronel Marcos Rocha, do PSL, venceu a eleição em Rondônia. Ele tem 66,34% dos votos válidos. Expedito Junior, do PSDB, teve 33,66%. Todas as urnas foram apuradas.
Roraima

Antonio Denarium, do PSL, será o novo governador de Roraima. Com 53,50% dos votos válida, ele venceu José de Anchieta (PSDB), que teve 46,57%.


Antonio Denarium obteve êxito em disputa ao governo estadual de Roraima (Foto: Web)
Santa Catarina

Em Santa Catarina, o candidato do PSL, Comandante Moisés, venceu Gelson Merísio (PSD). Moisés teve 71,09% dos votos válidos. Marísio registrou 28,91% – 100% dos votos foram apurados.
São Paulo

O tucano João Doria será o novo governador de São Paulo. Com 51,75% dos votos válidos, o ex-prefeito da capital venceu o atual governador, Marcio França (PSB), que teve 48,25%. Segundo o TSE, 99,9% das urnas foram apuradas.
Sergipe

Belivaldo Chagas (PSD) foi reeleito governador com 64,72 % dos votos válidos. Ele concorria contra Valadares Filho (PSB), que teve 35,28%. Todas as urnas foram apuradas.

Translate