13 junho 2018

Por que o suco de laranja congelado ou pasteurizado é mais saudável

Glass and jug of orange juice and fruits

O suco de laranja é mais saudável se ingerido depois de passar pelo processo de congelamento, aponta estudo publicado no Journal of Functional Foods. Segundo o Daily Mail, a pesquisa descobriu que o corpo absorve mais antioxidantes do suco de laranja depois que ele descongela, especialmente em comparação com o suco fresco ou sucos pasteurizados, normalmente industrializados. Isso acontece porque quando descongelado, os elementos benéficos do suco são decompostos em partículas menores (carotenoides), facilitando a absorção pelo intestino.

Os carotenoides são importantes porque possuem propriedades de combate ao câncer – essas partículas podem ser convertidas em vitamina A, que ajudam a prevenir alguns tipos de cânceres. Eles também têm efeito anti-inflamatório e podem prevenir doenças cardíacas.

Os resultados do estudo foram alcançados depois que os pesquisadores da Universidade de Sevilha, na Espanha, estudaram como o congelamento e a pasteurização (esterilização com calor) afetaram os antioxidantes presentes no suco da laranja geneticamente não modificado. De acordo com a pesquisa, o congelamento – procedimento muito utilizado na indústria alimentícia para preservar os líquidos – melhora a salubridade do suco, aumentando seu potencial de saúde.

O principal foco do estudo foi a bioacessibilidade dos carotenoides fitoeno e fitoflueno, ou seja, de que forma eles estão disponíveis para serem transferidos (ou absorvidos) do alimento para o sangue através do intestino.

Durante a investigação, os cientistas descobriram que o congelamento provoca a deterioração dos antioxidantes (carotenoides), no entanto, por eles se tornarem mais acessíveis, o efeito geral é positivo. “Apesar de a concentração de carotenoides nos sucos congelados ser menor do que no suco fresco, a redução no tamanho das partículas e a destruição do material celular produzido por esses processos permitem que a quantidade de carotenoides absorvida pelo intestino seja maior”, disse Paula Mapelli, co-autora do estudo.

0 comentários:

Postar um comentário

Translate