27 dezembro 2017

Beto Rosado acha que Governo Federal deve ignorar parecer de procurador do TCU e repassar dinheiro extra ao RN

Ao ser informado da negativa do Governo Federal em liberar os R$ 600 milhões em ajuda financeira para o Rio Grande do Norte, o deputado federal Beto Rosado (Progressistas) propôs uma reunião entre a bancada do RN em Brasília, o governador Robinson Faria (PSD) e o presidente Michel Temer (PMDB) para debater a situação.

Para Beto, o parecer de um procurador do Ministério Público de Contas (MPTCU) não pode ser usado como justificativa para negar ajuda a milhares de servidores que estão passando dificuldades. “Parecer é uma recomendação e não uma decisão. O Governo Federal não pode fechar os olhos diante da situação do nosso Estado”, opinou.

0 comentários:

Postar um comentário

Translate