28 outubro 2017

Assembleia da ADUERN vai deliberar sobre adesão à Greve Unificada no RN



A ADUERN realiza na próxima terça-feira (31/10) às 9h, Assembleia para discutir a adesão à Greve unificada do funcionalismo público estadual, que terá início a partir do dia 10/11. A indicação de uma greve por tempo indeterminado em todas as categorias foi definida em reunião do Fórum dos Servidores do RN, na tarde de ontem (26).

Na avaliação dos sindicatos presentes, as recentes audiências com o Governo do Estado comprovaram a total falta de compromisso com servidores e servidoras, que seguem sem um mínimo calendário de pagamento definido. Para as categorias a situação dos atrasos salariais se tornou insustentável e a resposta aos ataques de Robinson tem de ser dada de forma unificada pelos trabalhadores e trabalhadoras do Estado.

Outro ponto que também pesou na análise das categorias foi a manifestação unificada do dia 24/10, que reuniu milhares de servidores na Governadoria do Estado. A expressiva mobilização e radicalidade nos discursos comprovaram que os trabalhadores do RN não conseguem mais conviver com descaso e incerteza provocados pelo Governo Robinson.

Além da ADUERN também realizarão assembleias com indicativo de greve, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (SINTE-RN), no dia 31/10 pela manhã, o Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (SINPOL/RN), no dia 01/11 às 15h, o Sindicato dos Trabalhadores da Saúde (Sindsaude), no dia 06/11 às 9h30, o Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do Rio Grande do Norte (Sinai-RN), também no dia 06/11.

A Polícia Militar do RN, que também estava representada na reunião do Fórum, compreende a importância desse movimento. Porém, ressaltou as particularidades da categoria, que impedem a inserção em greves por tempo indeterminado, avaliando a possibilidade de paralisar as atividades em dias de manifestações unificadas.

0 comentários:

Postar um comentário

Translate