20 agosto 2017

30 maneiras de identificar um ‘babão’ político


Por Felipão, faroleiro

01- Ir atrás de fretar um carro de um parente para colocar a gasolina para tirar título de eleitor ou levar o povo para votar no dia da eleição.

02- Enfeitar o carro ou moto no dia da carreata e ao invés de ir logo para lá, ir para a casa do candidato para sair junto com ele para a carreata.

03- Ficar na porta da rádio esperando o candidato sair de uma entrevista.

04- Em tempo de campanha ficar com os bolsos cheios de adesivo para colocar no peito do povo em quem for passando nas festas.

05- Pagar com seu dinheiro um litro de cachaça ou coisa similar e dizer que foi o candidato que mandou ele dá.

06- Dizer que o vizinho tem uma filha que trabalha na prefeitura e que não vota nele.

07- Entrar em um emprego de contratado e dizer que tá lá porque arrumou 100 votos para o candidato fulano de tal.

08- Depois da eleição ficar dizendo a todo mundo que fulano perdeu porque não foi em seu conselho que era ir atrás dos votos de fulano e ele nem foi na casa do eleitor e por isso perdeu.

09- Passar o braço no ombro do candidato e dizer que ele é o mesmo que um irmão pois foram criados juntos desde pequeno.

10- Chamar a vizinha para dizer que o candidato fulano de tal vai amanhã ou esteve hoje em sua casa.

11- Dizer ao candidato que tem uma prima sua que se ele arrumar um milheiro de tijolos ele tem 20 votos na casa dela que a família é grande.

12- Filiar-se e tenta fazer o povo filiar-se ao partido do candidato porque ele prometeu que se eleito ele conseguirá para o povoado cisternas, caixas d´agua, torre de celular, orelhão, grupo escolar e etc.

13- Dizer que o candidato adversário nunca fez nada e que só roubou e quando ele passar na calçada ele cospe na mão e aperta.

14- Ir de noite ao fórum vê se é verdade que o candidato dele perdeu mesmo.

15- Acontecer alguma coisa na rua ou no bairro e ele chegar dizendo que vai ligar agora mesmo para fulano de tal.

16- Acompanhar, defender e divulgar o candidato no Facebook, Orkut, Twitter e etc.

17- Colocar o candidato padrinho de casamento, batizado ou formatura do filho só para falar que o padrinho do menino é fulano seu cumpadre.

18- Puxar um salvo de palmas para o candidato em um discurso dele.

19- Justificar dizendo que é babão mesmo porque fulano de tal conseguiu isso para ele, ou deu emprego para um filho, remédio para a mãe, conseguiu uma consulta ou operação e etc.

20- Ficar animando o candidato na eleição dizendo que ele tá ganho que teve uma urna na esquina de beltrano e ele foi o mais votado.

21- Pegar o carro de luxo do candidato e sair andando por aí escutando música e arrumando mulher para ele e o candidato.

22- Ir na frente em uma caminhada política anunciando e batendo na porta do povo dizendo que o candidato fulano chega já.

23- Levar o candidato para a igreja e dizer que ele vai fazer parte da doutrina religiosa.

24- Fala mal do adversário dizendo que ele passa cheque sem fundo, que tá quebrado e que é liso e não tem dinheiro nenhum.

25- Chamar a filha para apresentar ao filho do candidato ou forçar a mulher a ser amiga da futura primeira-dama.

26- Dizer que fulano de tal da rádio ou do site é babão do candidato adversário.

27- Ir para o comício do adversário só para contar quantos carros tinha ou se tinha muita gente e falar que só tinha meninos, que só tinha moto com gasolina colocada por fulano e que o povo dava duas voltas para fazer mais carros na carreata.

28- Dizer que fulano de tal candidato prometeu para ele um emprego de merendeira para a vizinha, um de vigilante para um primo, um de professora para a esposa, um de agente de endemias para o filho e um de secretária para a filha bonita.

29- Bate boca com outro babão adversário em um bar por causa de emprego.

30- Fazer uma crônica em um site da cidade falando dos outros que são babão.

DESTE BLOG: Não me enquadro nelas, pois me considero apenas um  correligionário fiel, e, jamais buscarei crescer derrubando um correligionário ou denegrindo sua imagem. 
Minha longa  vida como servidor público atesta tudo isso.

0 comentários:

Postar um comentário

Translate