30 maio 2017

Frente defende proposta de autonomia da Uern até dezembro


A Frente Parlamentar e Popular em Defesa da Uern é a favor que uma proposta para autonomia financeira da instituição seja concretizada até dezembro deste ano. A sugestão surgiu durante reunião ampliada do grupo, realizada nesta segunda-feira, 29, na Câmara Municipal de Mossoró, onde também foi apresentado estudo que atesta a contribuição social da universidade para todo o Rio Grande do Norte.

“Existem duas leis orçamentárias deste ano do Estado que asseguram prioridade à autonomia financeira da Uern. Precisamos aproveitar esse momento para preparar uma proposta única e segura para a universidade”, explica o pró-reitor Adjunto de Planejamento da Uern, Adonias Vidal.

O coordenador da Frente Parlamentar e Popular, vereador Professor Francisco Carlos (PP), lembra que as discussões em torno do tema são antigas. Ele reforça a necessidade de tratar do assunto como método para fortalecimento da universidade. 

“De forma efetiva, as discussões ocorrem desde fevereiro de 2006, quando foi apresentado o primeiro esboço de projeto. Mais de dez anos se passaram e, mais do que nunca, vemos a necessidade de tirar a ideia do papel, e vamos trabalhar para que uma proposta seja aprovada até dezembro”, defende.
Discussões ampliadas

No próximo dia 14, as atividades da Frente ganham reforço com a realização de audiência pública na Assembleia Legislativa do estado, por proposição da deputada estadual Larissa Rosado (PSB).

A ideia é mobilizar representantes dos campis avançados da Uern espalhados pelo estado, assim como os prefeitos dos respectivos municípios. Na ocasião também será apresentado o estudo que comprova a contribuição social da Uern para o estado.

* Por Sandra Monteiro - jornalista

0 comentários:

Postar um comentário

Translate