16 junho 2016

Ex-prefeito é condenado a 52 anos de prisão

Ele é acusado de fraudar licitações, falsificar documentos e coagir testemunhas

Por O Globo
 Evandro Capixaba, ex-prefeito de Mangaratiba - Divulgação


RIO - O ex-prefeito de Mangaratiba Evandro Bertino Jorge, conhecido como Evandro Capixaba, acusado de articular e participar de fraudes no município da Costa Verde, foi condenado a 52 anos de prisão, em regime inicialmente fechado, além do pagamento de 340 salários mínimos de multa. O esquema de fraudes teria desviado cerca de R$ 10 milhões e, de acordo com a sentença, aconteceu de março de 2011 a dezembro de 2013.


 

0 comentários:

Postar um comentário

Translate