06 abril 2016

Aliados de Renan articulam plebiscito sobre eleições gerais e alteração no sistema de governo

Painel
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), tem na manga um projeto de eleições gerais. Aliados articulam a aprovação de um plebiscito já para a corrida municipal de outubro.
A ideia seria consultar a população sobre dois pontos: a antecipação da escolha de presidente da República, governadores e congressistas, com realização de sufrágio em seis meses, e a alteração no sistema de governo. O Senado costura, silenciosamente, a sua proposta.
Bora? A defesa que Renan faz das eleições gerais não é à toa. Pesquisa de sua equipe, em março, apontava 47% das intenções de voto nele para o Senado em uma nova disputa. Renan Filho (AL), governador, teria aprovação suficiente para concorrer de novo.

Um passo à frente Todas as propostas em discussão no Congresso nesta terça (5) — eleições presidenciais, gerais ou mudança de sistema político — embutem a avaliação de que Dilma sobrevive ao impeachment, mas perde as condições de governar.


Entre amigos Apesar dos acenos para fora, o cenário ideal no Congresso ainda são as eleições indiretas para o Planalto em 2017, hipótese que dá mais poder aos caciques do Legislativo.

0 comentários:

Postar um comentário

Translate