29 fevereiro 2016

Blog recebe denúncia anônima informando que a caçamba e a retroescavadeira do PAC estão realizando serviços em obras licitadas

O representante do Ministério do Desenvolvimento Agrário em Natal veio a este município em 2015 e verificou in loco irregularidades nos serviços executados pelas  máquinas do PAC cedidas ao município pelo Governo Federal, e fez advertência ao prefeito. 
Contudo, o prefeito continua cedendo as máquinas para realizar serviços em obras licitadas.
Blog recebeu uma grave denúncia anônima de que os adesivos da caçamba foram retirados para impedir a fiscalização. Entretanto, ainda precisamos confirmar a denúncia através de verificação in loco nas obras.

Festa da Colação de Grau em Direito do conterrâneo e amigo Francisco Nádson Sales Dias

Nádson colou Grau no Curso de Direito da UFRN, Campus de Caicó, na noite do último sábado (27). Familiares e amigos compareceram ao evento.
Blogueiro reitera votos de felicidades ao novo Advogado de Olho D'água do Borges.
Missa solene realizada na Catedral de Santana, quinta feira, 25/02, às 19:00hs.



Vereadores oposicionistas em Olho D'água do Borges querem saber qual foi a empresa que o prefeito contratou para fazer a operação tapa-buraco na UBS do Conjunto Joaquim Tavares

Vereadores oposicionistas fiscalizaram a "UBS modelo", modelo? localizada no Conjunto Joaquim Tavares e observaram que foi feito apenas serviço tapa-buraco nas rachaduras e que o problema poderá retornar com novas chuvas.

Foi feita apenas uma operação tapa-buraco nas rachaduras. Prefeito deve estar pensando em  reforma para o prédio novo. Pode?

Hoje fevereiro de 2016 completa 29 dias, o que só acontece de 4 em 4 anos. Saiba porquê!

Hoje, 29 de fevereiro de 2016, que é um ano bissexto.

Quem nasceu nesse dia 29 de fevereiro só comemora aniversário de 4 em 4 anos.
Para os “mãos fechadas” é uma excelente opção, por não gastar dinheiro com festas.
Como saber se um ano será bissexto?
O ano será bissexto quando ele for divisível por 4.
O ano de 2016, por exemplo, é divisível por 4.
Logo, é bissexto.
Porém, quando for um ano centenário (ano 1900, por exemplo) essa regra não é válida.
Aqui temos mais uma exceção: quando o ano centenário for divisível por 400, ele, contudo, também será bissexto.
Para entender o que é o ano bissexto é preciso voltar ao tempo dos egípcios, aproximadamente há 2.000 anos, e a história se faz um pouco confusa.
Naquele tempo, acreditava-se que o movimento de translação durava 365 dias.
Por isso, o calendário era dividido em 12 meses com 30 dias cada, adicionando 5 dias para se completar os 365.
Entretanto, o tempo que a Terra gasta para dar uma volta completa em torno do sol é de 365 dias, 5 horas, 48 minutos e 46 segundos, aproximadamente.
Os egípcios foram perceber tal fato depois de certo tempo, porque isso alterou a época de plantação e colheita das lavouras, colocando em risco sua sobrevivência.
Dessa maneira, com novos cálculos, viram que o ano durava 365,25 dias, ou 365 dias e 6 horas.
Logo, 24 horas (um dia) dividido por 6 horas é igual a 4.
Portanto, a cada 4 anos acrescentar-se-ia um dia ao calendário, o conhecido Calendário Alexandrino.
Mas, por que o nome “Bissexto” e um dia a mais no mês de fevereiro?
No Império Romano, o calendário era baseado nas fases da Lua, o chamado Ano Lunar.
Assim, o ano durava 304 dias divididos em 10 meses, sendo 6 meses com 31 dias e o restante com 30.
O ano começava no mês de Março, não existindo, portanto, os meses de Janeiro e Fevereiro.
Com Júlio Cesar no poder, passaram a adotar o ano solar como calendário oficial, semelhante ao Calendário Alexandrino.
Foi a partir desse momento que os meses de janeiro e fevereiro passaram a existir, inaugurando o Calendário Juliano.
Assim, também havia a necessidade de o calendário, a cada 4 anos, ter 366 dias.
Além disso, existiram mais duas justificas para se escolher o mês de fevereiro:
1) por ser o último mês do Calendário Juliano.
2) Antes, havia “perdido” um dia, realocado no mês de Julius (atual Julho), em homenagem ao Imperador Júlio Cesar.
Fonte: Ney Lopes


TODOS CONTRA: ELA FACÇÕES DO PT JÁ ACEITAM 'DEMONIZAR' DILMA

PLANO DE BLINDAR LULA PASSA POR AFASTAMENTO E OPOSIÇÃO À DILMA
PLANO DE BLINDAR LULA PASSA POR AFASTAMENTO E OPOSIÇÃO À DILMA. FOTO: LULA MARQUES/PT
À exceção da Democracia Socialista (DS), da qual faz parte o ministro Miguel Rossetto (Trabalho), a maior parte das facções do PT apoia o plano de afastar Dilma do partido e fazer oposição a ela. O plano tem sido articulado pela facção majoritária Construindo um Novo Brasil (CNB), liderada por Lula – que, oficialmente, “não sabe” da manobra imaginada exatamente para blindar o ex-presidente, com vistas a 2018.
A cúpula do PT avalia que a chance de sobrevivência de Lula e do partido é se afastarem de Dilma e culpá-la pela crise e pela roubalheira.
Entusiasta do rompimento, Washington Quaquá, dirigente do PT-RJ, foi mal educado: disse que Dilma não faria falta no aniversário do partido.
Até o novo líder do governo no Senado, Humberto Costa (PT-PE), criticou o “erro de condução política” do Planalto na questão do pré-sal.
O PMDB adotou um discurso crítico, como mostrou em seu programa na TV, ao perceber que corria o risco de ficar sozinho no apoio a Dilma.
Fonte: Diário do Poder

Câmara dos Deputados gasta R$ 1,8 mi com refeição de deputados Câmara gasta R$ 1,8 mi com refeição de deputados

Do Portal Congresso em Foco - Parlamentares comem e bebem à vontade e, em alguns casos, pagam até a alimentação de terceiros e mandam a conta para a Câmara pagar. Veja quanto cada deputado gastou em alimentação em 2015
Kleber Sales/Revista Congresso em Foco
Eles comem, você paga: Câmara tem controle precário sobre notas fiscais apresentadas pelos deputados
A Câmara reembolsou, de fevereiro (data de início da atual legislatura) a dezembro do ano passado, R$ 1,87 milhão com as refeições de 425 deputados. Outros 124 optaram por não apresentar nenhum pedido de ressarcimento. A soma excede o número de deputados federais (513) por incluir titulares licenciados e seus suplentes. Considerando o total de cadeiras, estamos falando em um consumo anual médio abaixo de R$ 3,7 mil. Certos detalhes tornam, porém, essas despesas curiosas e, eventualmente, muito estranhas, como destaca a nova edição da Revista Congresso em Foco, que mostra como os parlamentares utilizam o dinheiro público da verba indenizatória. Com a proibição de pagamento a terceiros, os deputados apresentam à Câmara para fins de ressarcimento, notas fiscais com descrições genéricas que ocultam o que de fato foi consumido.
Despesas que equivalem a seis vezes o valor máximo cobrado em restaurantes e gasto em padaria em valor que seria possível adquirir pães, bolos e biscoitos suficientes para matar a fome de um time de vôlei são algumas das curiosidades encontradas pela ONG Operação Política Supervisionada (OPS). O deputado Takayama (PSC-PR), que pediu ressarcimento por seis refeições em um mesmo dia, no Brasil e no Uruguai, até lembra um “Ninja do garfo“.
Assine a Revista Congresso em Foco
Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), o campeão em gastos da “bancada dos comilões“, admitiu ao Diário Catarinense ter pago despesas com alimentação para terceiros, o que é proibido. Valdir Rossoni (PSDB-PR) também reconheceu à Revista Congresso em Foco que bancou despesas de forma irregular, mas já solicitou à Câmara que desconte de seu próximo salário, R$ 756,61 referentes a três notas fiscais preenchidas com a descrição “refeição”.

A alimentação ocupa apenas a 11º posição dentre as despesas reembolsáveis pela chamada Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), o conhecido cotão, cujo valor varia de R$ 30,5 mil a R$ 45,3 mil conforme o estado de origem do deputado. No ano passado, a Câmara gastou R$ 200 milhões para cobrir despesas dos parlamentares, como aluguel de escritório, transporte, alimentação, combustíveis, divulgação do mandato. A maioria dessas despesas é reembolsável apenas com a apresentação de nota fiscal. O problema é que a checagem desses documentos é precária. Há diversos casos de notas fiscais sequenciais.

No Senado, apesar do discurso de que estimula a adoção de ferramentas de transparência, aCasa nega o fornecimento de cópias de documentos solicitados pela sociedade civil por meio da lei que garante a qualquer cidadão o acesso a dados de interesse público. Para apurar a denúncia de descumprimento da Lei de Acesso pelo Senado, um inquérito civil público foi aberto na Procuradoria da República no Distrito Federal.

Na relação abaixo estão todos os deputados que pagaram suas refeições (e, em alguns casos, de outros) com a verba indenizatória no período de fevereiro a dezembro de 2015. Veja quanto cada parlamentar gastou, em R$:

Barba, cabelo e cerveja: barbearias conquistam público e caem no gosto dos natalenses

Entre navalhas, tesouras e lutas de UFC, estabelecimentos se diferenciam pelo tratamento personalizado.
Ricardo Junior/Nominuto
Mais do que um lugar para cuidar da aparência, as novas barbearias são verdadeiros locais de entretenimento para os homens.
A estética masculina nunca esteve tão em alta. O homem está mais preocupado com a aparência e isso é reflexo de uma sociedade cada vez mais exigente. Cuidar das unhas, da pele, ter um corte de cabelo bacana e uma barba bem feita já faz parte da rotina de muitos.
Os salões de beleza são tradicionalmente montados para agradar as mulheres. O ambiente, dominado pelo público feminino, se torna um lugar incomum quando frequentado pelos homens.
Cervejas, lutas de Ultimate Fighting Championship (UFC), uma boa música e navalhas afiadas compõe o espaço masculino. Mais do que um lugar para cuidar da aparência, as novas barbearias cuidam mesmo é do bem-estar.
A paixão por cervejas artesanais e a necessidade de um ambiente para atender os amigos, fez o publicitário Rafael Costa, de 31 anos, pensar além. 
Há um ano e dois meses ele mora na capital potiguar, e há 10 meses ele resolveu abrir o próprio negócio: A barbeariaGodfather’s. 
“Queríamos criar um espaço diferenciado. Não só para cortar o cabelo e fazer a barba, mas que oferecesse todo um momento para a pessoa que passa por aqui”, explica.
O local é um sucesso. Pioneiro na capital potiguar, em menos de um ano ele já está expandido a loja. A inauguração está prevista para março. 
“Além dos serviços já consagrados vamos aprimorar com linha de gastronomia. Teremos novas cervejas, vinhos, whiskies, espaço para motociclistas - onde vamos lavar a moto dele enquanto ele corta o cabelo -, além de serviço de tatuagem. Nossa expansão é para agradar ainda mais os amigos”, detalha.
Com média de 50 clientes sendo atendidos todos os dias, a barbearia já chegou até a ter filas. 
“Corremos atrás e ampliamos o espaço aqui mesmo. Hoje o cliente pode marcar horário ou ser atendido por ordem de chegada. Sempre mantemos um tempo médio de atendimento de até uma hora se necessário. Não há necessidade de correr com o cliente. Aqui temos dedicação total em atendemos e fazer o serviço bem feito”, contou.
A barbearia é totalmente voltada ao público masculino, e até os pequenos têm seu espaço. “O final de semana tem muito movimento no espaço infantil e agora com a nova loja vamos ter até brinquedos e videogames, tudo para entreter as crianças”, acrescenta.
O horário do almoço e o final do dia são os mais frequentados durante a semana. Com uma cortesia a cada corte, a fidelização virou uma marca, mais do que clientes, eles se tornam amigos. “Conhecer pelo nome, saber suas cervejas preferidas, isso é um diferencial. A cada 10 serviços, ele tem um grátis. Tem também o primeiro chope por conta da casa. A clientela acolheu demais esse projeto e é uma felicidade enorme estar em Natal”, orgulha-se.
Uma tendência
Pierro Lins, 35 anos, é formado em Administração. Ele viu na pesquisa de mercado a chance perfeita para ingressar no mundo das novas barbearias.
“Comecei a estudar que tipo de negocio eu poderia abrir com ‘x valor’. Fiz um plano de negócio onde coloquei tudo, foi muito planejamento. A estética masculina tem crescido bastante e vi uma oportunidade em minhas pesquisas”, explica.
Observando a realidade local, ele não teve dúvidas para investir no empreendimento. 
“Identifiquei que aqui existe uma demanda reprimida muito grande, poucas barbearias oferecem o serviço exclusivo para homens e poucas tinham um serviço diferenciado”, conta.
Há dois meses aberta, a Barbearia do Escocês já pretende expandir as atividades. “Muitos não conheciam o serviço, mas o pessoal tem gostado. Já pretendemos aumentar o leque de serviços. Oferecer massagem, limpeza de pele e manicure”, detalha.
De acordo com o administrador, mais do que um serviço, ele criou uma marca. Com ambiente confortável e cortesia, a empresa tem conquistado o público.
“O conceito da marca é muito importante. Fugi um pouco daquilo que as barbearias fazem, até no logo você percebe isso. O pessoal tem trabalhado uma linha mais vintage eu quis trazer um conceito diferente. O cliente aqui se sente a vontade para conversar sobre qualquer assunto e ainda bebe uma cerveja”, acrescenta.
Fonte: Portal Nominuto

28 fevereiro 2016

América RN é campeão do 1º turno. Veja Imagens do Jogo América x Globo na tarde deste domingo


FOTO: Reprodução


FOTO: Novo Jornal

Apostador de Cuiabá acerta Mega-Sena e fatura prêmio de R$ 2,9 milhões


Aposta de Cuiabá acertou as seis dezenas do concurso 1.794 da Mega-Sena, sorteado na noite deste sábado (27) pela Caixa Econômica Federal, em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul. Confira as dezenas sorteadas:
01 – 05 – 34 – 37 – 40 – 60
O felizardo vai receber cerca de R$ 3 milhões. 64 apostadores ganharam a quina e receberão R$ 24.959,71 cada um. Também houve 3.568 vencedores da quadra e cada um deles levará para casa R$ 639,58.
O próximo concurso da Mega-Sena será realizado na quarta-feira (2). A aposta mínima na Mega-Sena é de R$ 3,50 e pode ser feita até as 19h (horário de Brasília) do sábado, em qualquer uma das casas lotéricas do País.
IG



IMPEACHMENT: GRUPO DE TEMER REVÊ ESTRATÉGIA PARA APOIAR IMPEACHMENT DE DILMA

GRUPO PEEMEDEBISTA DO VICE TEMER VOLTA A DISCUTIR SAÍDA DE DILMA
A ESTRATÉGIA DO GRUPO DE PEEMEDEBISTAS É OPERAR "DISCRETAMENTE". FOTO: HENRIQUE CHENDES/VPR
Impulsionada pela prisão do ex-marqueteiro do PT João Santana, a retomada das discussões do impeachment da presidente Dilma Rousseff pelo PMDB vai se dar com uma nova estratégia. O grupo do vice-presidente Michel Temer avalia como vital um entendimento com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). Além disso, acredita que é preciso atuar de forma discreta - quase silenciosa - ao contrário do que ocorreu no semestre passado.
Para um interlocutor do grupo de Temer, "ninguém quer queimar largada de novo". A avaliação é que o maior de todos os erros foi apostar todas as fichas no presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Apesar do poder do cargo, a imagem que se consolidou é a de que ele usou o pedido de impeachment para desviar a atenção dos processos que ele enfrenta no Conselho de Ética e no Supremo Tribunal Federal (STF) por causa da Operação Lava Jato.
O primeiro passo de reaproximação de Temer e Renan foi dado na quinta-feira, quando os dois almoçaram no Palácio do Jaburu. Segundo aliados de ambos, a conversa teve como principal pauta a formação da chapa única que será apresentada na Convenção do PMDB. Na oportunidade, Temer deve ser reconduzido como presidente da sigla - ele está no posto desde 2001. Desta vez, porém, terá de abrir mais espaço para o PMDB do Senado.
Para um senador que é próximo tanto de Renan quanto de Temer, antes de qualquer ação em torno do impeachment, é preciso garantir o máximo de unidade possível dentro do partido. Segundo ele, houve uma precipitação de Temer no semestre passado. "Ele não vai cometer os mesmos erros agora", concluiu.
Em novembro do ano passado, houve estardalhaço no lançamento de um conjunto de propostas econômicas do chamado "Plano Temer". O documento foi elaborado pelo presidente da Fundação Ulysses Guimarães, Moreira Franco, que chegou na oportunidade a usar hastag #impeachment ao tratar do assunto nas redes sociais. Neste ano, Moreira já adotou um tom mais moderado.
"O impeachment não é obra de uma pessoa de um partido e tampouco do Congresso Nacional. O impeachment é consequência de um ambiente na sociedade de repulsa majoritária consolidada a uma situação posta dentro das regras a Constituição", disse Moreira em entrevista ao Estado na semana passada.
Fonte: Diário do Poder

TSE ORDENA INVESTIGAÇÃO DE LAVAGEM DE DINHEIRO NA CAMPANHA DE DILMA

GASTOS DE DILMA-TEMER FORAM DESPROPORCIONAIS, DIZ MINISTRO
EMPRESAS PODEM TER RECEBIDO GRANA DA CAMPANHA SEM PRESTAR SERVIÇO. FOTO: LULA MARQUES
O vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, aceitou o pedido do PSDB e determinou que sejam investigadas as prestações de serviços de sete empresas à campanha eleitoral de 2014 da presidente Dilma Rousseff. Juntos, Rede Seg Gráfica e Editora, Mariana Produtos Promocionais, Vitor H G de Souza Design Gráfico, Marte Ind. e Com. de Artefatos de Papéis, Francisco Carlos de Souza Eirelli, Door2Door Serviços e DCO Informática receberam R$ 22,6 milhões durante a campanha.
A suspeita é que as empresas não teriam condições de prestar os seviços registrados na prestação de contas da campanha da petista. De acordo com o pedido do PSDB, há "evidências de que as empresas, aparentemente de fachada, foram contratadas por valores exorbitantes e desproporcionais".
As notas foram encaminhadas à Polícia Federal, ao Ministério Público Federal, à Receita Federal e ao Coaf, Conselho de Administração de Operações financeiras, que investiga crimes de lavagem de dinheiro.
Apesar de a maior recebedora ter sido a Rede Seg (R$ 6,1 milhões), Gilmar Mendes, relator da ação que pede a cassação do registro da candidatura da chapa Dilma-Temer, pediu atenção especial às empresas Door2Door e DCO, por acreditar que elas podem ter recebido recursos sem qualquer prestação de serviço, prática que comprovaria o crime de lavagem de dinheiro.
Fonte: Diário do Poder

Em carta, Delcídio nega ameaça a senadores e diz não ter ódio

Senador foi solto após 87 dias preso na Operação Lava Jato.
GloboNews teve acesso a carta que ele enviou aos colegas no Congresso.

Imagem da carta de Delcidio a senadores (Foto: Reprodução)
Preso pela Operação Lava Jato, o ex-líder do governo Delcídio do Amaral mandou entregar uma carta aos 80 senadores nesta sexta-feira negando ter feito ameaças aos colegas para salvar seu mandato no Conselho de Ética.
Na carta, a que a GloboNews teve acesso, o senador diz que as ameaças são "falsas e delirantes" e que o "injusto encarceramento" o afastou da vida política e social, mas não o "exonerou da coerência e da razão".
"Ódio e revanchismo não ocuparam minha imaginação", disse. No texto, o senador afirma ainda que "alguns órgãos de mídia [...] publicaram inverdades imputando-me a propagação de ameaças e constrangimentos aos meus pares no Senado, com o objetivo de evitar uma eventual cassação do meu mandato parlamentar".
A carta de Delcídio faz parte da estratégia do senador de convencer os parlamentares a preservarem o seu mandato no conselho. A preocupação do petista é que, caso perca o foro privilegiado, o seu processo seja investigado pelo juiz Sergio Moro, à frente da Lava Jato em Curitiba.
O tom da carta reproduz a entrevista concedida pelo senador à GloboNews nesta semana. Ele disse que "seria burrice" chantagear senadores em um momento no qual se precisa de apoio no conselho.
Delcídio foi preso em novembro de 2015 por tentar atrapalhar as investigações da operação Lava Jato. A decisão da prisão do senador foi baseada em uma gravação em que ele aparece oferecendo dinheiro e um plano de fuga para Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras, para que Cerveró não o citasse durante delação premiada. A delação foi feita pelo filho de Cerveró, Bernardo.
O senador ficou 87 dias preso em Brasília, período em que ficou afastado das atividades parlamentares, mas continuou recebendo salários e benefícios. No dia 19 de fevereiro, o Supremo Tribunal Federal revogou a prisão e o senador, que está suspenso do PT, poderia voltar ao Senado. Delcídio, no entanto, solicitou uma licença médica por 15 dias e ainda não voltou às atividades.
Fonte: Globo.com

Concurso da Receita Federal está previsto para ser realizado neste ano

A Receita Federal do Brasil (RFB) almeja abrir neste ano de 2016 com uma solicitação de 5 mil vagas, oconcurso para os cargos de Auditor Fiscal e Analista Tributário, ambos exigindo nível superior completo em diversos cursos. Sendo ele um dos concursos mais esperados pelos concurseiros que possuem esse grau de escolaridade, devido aos salários e aos benefícios serem altos, ainda está no aguardo da liberação pelo Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão.
O último concurso da Receita Federal ocorreu em 2014, onde foram oferecidas 278 vagas para Auditor Fiscal, com remuneração de R$ 14.965,44. Do total das vagas oferecidas, 264 eram para ampla concorrência e 14 para candidatos com deficiência.
Apesar da solicitação do concurso de 2016 ser de alta demanda de vagas, o órgão MPOG liberará somente uma parcela delas, pois o costume é liberar uma quantidade bem menor das vagas solicitadas. Isso ocorreu com o concurso do INSS, foram solicitadas 2 mil vagas para o concurso e foram liberadas apenas 800 vagas.
De acordo com a solicitação da Receita Federal, as vagas do concurso serão divididas em 2 mil vagas para Auditor Fiscal e 3 mil para Analista Tributário. As remunerações para ambos os cargos são muito boas, R$ 9.629,42 para Analista e R$ 16.116,64 para Auditor, incluindo R$ 343,00 como auxílio-alimentação.
Fonte: Gláucia Lima


Translate