27 novembro 2015

Ganhador da Mega com APOSTA ÚNICA JÁ retirou prêmio milionário no DF; senador cobra explicações sobre resultado

 

 O sortudo que ganhou sozinho na Mega Sena retirou a aposta em uma agência da Caixa Econômica Federal (CEF) do Gama às 13h30 de hoje, de acoro com fontes ouvidas pelo Correio. A região administrativa tem dois estabelecimentos do banco, uma no Setor Central, próximo à 14ª Delegacia de Polícia, e outra no Setor Leste. Porém, a empresa mantém o endereço da retirada em sigilo e não vai revelar em qual dos terminais o novo milionário retirou os R$ 205.329.753,89 (com todas as deduções de impostos contabilizadas).
Se o vencedor é morador da cidade ou foi até lá para despistar o próprio endereço, ainda não é possível saber. Porém, o jogo vencedor da Mega-Sena, sorteado na noite dessa quarta-feira (25/11), foi feito na QI 25 do Lago Sul, na Wands Loterias, segundo a assessoria de imprensa da Caixa Econômica Federal.
O prêmio saiu para uma aposta única de R$ 3,50, feita no guichê 2, que é preferencial. As funcionárias do estabelecimento Ana Paula Guerreiro, 36 anos, e Adelzi Campos, 41, não sabem ao certo quem atendeu o apostador, pois, em alguns dias, trocaram plantões. “Se tiver sido eu, esse será meu terceiro grande prêmio em 14 anos trabalhando em lotéricas”, conta Adelzi, que é moradora de Ceilândia. 
Esse é o maior valor de toda história do sorteio. Os números do concurso 1.764 sorteados foram 06 – 07 – 29 – 39 – 41 – 55. O sorteio ocorreu em Cândido Mota (SP). Fotos de bilhetes com os números premiados circulam na internet como se fossem verdadeiros. Contudo, aparecem duas apostas no mesmo canhoto, quando, na verdade, no bilhete vencedor consta apenas uma. Além disso, é possível observar a sobreposição de números por meio de programa de edição. 
Senador vê possível irregularidade em recorde da Mega-Sena 
O senador Alvaro Dias (PSDB) anunciou que cobrará explicações da Caixa Econômica Federal sobre uma suposta confusão ocorrida no sorteio do concurso 1764 da Mega-Sena, realizado ontem na cidade paulista de Candido Mota, e que tinha em jogo o maior prêmio da história. 
Segundo Alvaro, a entidade informou que ninguém acertou as 6 dezenas e o prêmio estaria acumulado para o próximo sábado, fato que já tinha ocorrido por 10 vezes seguidas. No entanto, anunciou em seguida que um único apostador levou o prêmio de mais de R$ 205 milhões, um morador de Brasília (DF). 
Em nota, o senador disse que “cobrará explicações formais e imediatas” da Caixa e afirmou que o “desencontro de informações alimenta especulações de irregularidades, que devem ser passadas a limpo urgentemente”. 
Alvaro é conhecido por tter feito diversas denúncias envolvendo manipulação de resultados, fraudes e lavagem de dinheiro envolvendo as loterias da Caixa. Ele também apresentou projeto de lei que inibe fraudes e lavagem de dinheiro com prêmios de loterias. 
Com informações do Correio Braziliense e Terra 
Blog do BG

0 comentários:

Postar um comentário

Translate