20 agosto 2013

Governo do RN convoca 222 concursados para o Hospital da Mulher

  Está previsto para hoje a convocação de 222 candidatos aprovados no concurso público para provimento de cargos efetivos realizado em 2010 pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). Até o fechamento desta edição a informação era tida como certa pela jornalista Anna Ruth do blog Panorama Político.
Os profissionais convocados serão integrados à estrutura de atendimento do Hospital da Mulher Parteira Maria Correia, em Mossoró. Os convocados terão prazo de 30 dias para apresentação da documentação exigida e assinatura do termo de posse.
A relação de exames e documentos a serem apresentados estará disponível no sítio da Sesap (www.saude.rn.gov.br).
Alvo de uma grande polêmica institucional, o Hospital da Mulher foi criado como parte de um projeto pioneiro gerido por ONGs com recursos do Estado como solução para desafogar o atendimento à mulher.
O sistema de terceirização contestado por sindicatos e por parte da sociedade acabou incluso num escândalo de desvio de recursos públicos externado pela “Operação Assepsia” deflagrada ano passado.
A partir do escândalo a Justiça determinou um interventor como gerente da unidade que tratou de implementar modificações necessárias para que o governo pudesse assumir o comando gerencial da unidade.
Uma primeira convocação chegou a ser cogitada no mês passado, mas a Justiça atendeu pedido do Governo do Estado para estender a intervenção até que fosse encaminhada uma análise mais aprofundada para a convocação dos concursados que será iniciada hoje.
 
Jornal O Mossoroente

Translate