29 junho 2013

Vereadores oposicionistas de Olho D'água do Borges entregaram à Câmara Requerimento de Criação de CPI para investigar contas e concurso irregular

Os Vereadores Escolástico Paulino, João de Anacleto, João Maria e Gildênia Pinto de Paiva subscreveram Requerimento de CPI para investigar as Contas da Câmara Municipal no período 2005/2013, como também o último CONCURSO PÚBLICO realizado de forma irregular para beneficiar um filho e uma nora do Presidente na época, Valmir Araújo. Destarte, o Ministério Público recomendou a nulidade do mesmo, porém o Presidente Zé Sérgio não atendeu e poderá se responsabilizar por tal ação. Agora, a CPI irá investigar a legalidade do referido concurso, como também terá acesso às Contas da Câmara no período 2005/2013 e fará uma análise geral de Nota Fiscal e Recibos. Como se sabe, os Presidentes administram 30% do repasse da Câmara, e, aqui em Olho D'água do Borges esse percentual que equivale a 12 mil reais é praticamente gasto com CAFÉ,  ÁGUA MINERAL e MATERIAL DE EXPEDIENTE de forma superfaturada. Como dizem nas ruas: "são os recursos que mantêm a sobrevivência dos Presidentes". Vale ressaltar que, a CPI poderia ser criada apenas por 3 vereadores, mas 4 assinaram o pedido e independe da vontade da Presidente autoritária Célia Queiroga que na Sessão de ontem sentiu o peso da oposição que proibiu convidados da arrogante de falar em Plenário. Seria importante que a nobre Edil tivesse um pouco de conhecimento da Legislação, mas é praticamente leiga na espécie.

Translate