21 fevereiro 2013

Taboleiro Grande-RN: TSE determina retorno da Prefeita Klébia Bessa, cassada por compra de votos

O ministro Henrique Neves da Silva, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje à noite que a prefeita cassada por compra de votos de Taboleiro Grande, Klébia Filgueira Bessa e seu vice prefeito José Lenário, devem retornar ao comando da Prefeitura.
A decisão já vinha sendo cantada pelos governistas desde semana passada, quando o Tribunal Regional Eleitoral, em Natal, decidiu pela confirmação da sentença de primeira instância, em cassar o registro de candidatura de Klébia e do vice Lenário por compra de votos.
Na ocasião, a vereadora Iracema declarou que os secretários de Klébia Bessa não estavam querendo entregar as chaves da Prefeitura e das viaturas por que havia a certeza de que até o dia 21 o TSE haveria de conceder uma liminar suspendendo a decisão do TRE.
E foi o que aconteceu. Hoje à noite, o povo de Taboleiro Grande foi as ruas para comemorar a liminar do TSE.
Eis um trecho da decisão:
Pelo exposto, defiro o pedido de liminar a fim de conferir, de forma extraordinária, efeito suspensivo ao recurso especial interposto nos autos do RE nº 183-92/RN, para manter ou, caso já afastados, reconduzir os autores aos cargos de Prefeito e Vice-Prefeito do Município de Taboleiro Grande/RN, até o julgamento do referido recurso especial.
Comunique-se, com urgência, ao Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte e ao Juízo da 63ª Zona Eleitoral daquele estado.
Publique-se.
Intime-se.
Brasília, 20 de fevereiro de 2012.
Ministro Henrique Neves da Silva
Relator

Fonte: Jornal de Fato

Translate