20 fevereiro 2013

São Pedro pode ajudar o PT

Por Carlos Chagas


                                                        Só faltava mais essa: a direção nacional do PT acusa o PSDB de estar espalhando  que o Lula pretende ser candidato em 2014, manobra para enfraquecer a reeleição de  Dilma. Bem que os tucanos gostariam de ter criado a  arapuca para os companheiros, mas falta-lhes plano de vôo e criatividade para tanto. A informação de uma suposta candidatura do ex-presidente emergiu, mesmo, de grupos do PT insatisfeitos com a presidente, ávidos de partilhar o governo em condomínio. A proposta  ainda não submergiu, muito pelo contrário. As manifestações dos companheiros, hoje, na festa dos dez anos no poder,  confirmarão o óbvio. Travava-se ontem uma guerrilha surda nas bases petistas para ver quem será mais aplaudido, Lula ou Dilma.
                                                      Existe uma saída fácil para superar o  obstáculo: seria o ex-presidente, em seu pronunciamento desta noite, no Anhembi, declarar alto e bom som que não é candidato, que não pretende tirar de Dilma o direito de disputar um segundo mandato e que se dispõe a chefiar a campanha dela. Simples, mas ao mesmo tempo complicado. Teria o primeiro-companheiro peito para a definição? Ou, no recôndito de suas emoções, admitirá  a hipótese que lhe infla o ego? Gostaria de saber que na hora das dificuldades poderá  servir  de alternativa? Que sua liderança é inconteste,  maior  que a da   sucessora?
                                                      Há outro nó na reunião de hoje. O que fazer com José Dirceu, José Genoíno, João Paulo Cunha e Delúbio   Soares? O quarteto de condenados parecia decidido a comparecer e o presidente Rui Falcão já tomou providências: não poderão integrar a mesa que dirigirá os trabalhos, muito menos discursar ou até ser fotografados ao lado de  Dilma e Lula. Que fiquem na platéia, junto com mil outros participantes das comemorações.
                                                       Mesmo assim... Mesmo assim, os antigos líderes e dirigentes  atingidos pelas  sentenças do Supremo Tribunal tem suas mutretas. No meio da confusão, o pessoal da segurança terá condições de impedir que se aproximem da presidente e do ex-presidente? Haverá como afastar os fotógrafos e cinegrafistas empenhados em registrar o flagrante? Terão sido organizadas torcidas para aplaudi-los? Dominarão a ânsia de ser ovacionados pela multidão, certamente propensa a censurar o Judiciário que os condenou?
                                                        Numa palavra, tudo pode acontecer esta noite, registrando-se até o desejo oculto de alguns companheiros mais cautelosos, sobre  São   Pedro  poder vir em socorro da unidade do partido. São Pedro? Sim, porque se chover hoje em São Paulo como tem chovido nos últimos dias, muita gente não conseguirá chegar a tempo  para a festa...

EXAGEROS

                                                        Faz muito que a mídia, como raras exceções, especializou-se em descer tacape e borduna no lombo de  Hugo Chaves. Não apenas nos editoriais, mas nas colunas e reportagens, sabujos dos proprietários  esmeram-se em comprovar que pensam como eles, ultrapassando de muito as naturais  críticas ao presidente venezuelano, que não são poucas. No fundo repousam as atitudes por ele tomadas na contra-mão do neoliberalismo e dos interesses do capitalismo selvagem. 
                                                        O que não dá para aceitar, no reverso da medalha, são as manifestações desta semana, promovidas por radicais do outro lado, contra uma desimportante blogueira que se especializou em contestar a ditadura cubana, com sobras para o regime da Venezuela. Espetáculos   grotescos tem sido encenados nos aeroportos e cidades por onde ela passa.  Certamente financiada com verdinhas  de origem pouco clara, a jovem Ioani Sanchéz nada mais é do um joguete,  manipulada pelos dois extremos.  Que seja feliz, mesmo se quiser vir morar no Brasil, mas deveria rejeitar o uso que fazem dela.

Fonte: Cláudio Humberto (www.claudiohumberto.com.br)

Translate